A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT

A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT
AgroBrasil - @gricultura Brasileira Online
Ofereci meus ombros. Como escada ele subiu. Abri o caminho para ele passar. Na hora da porrada a cara era a minha. Fui seu irmão seu amigo e companheiro... Um dia encontrou comigo. Me deu um beijo. Virou as costas e partiu. Lembrei de Jesus e as 30 moedas"
Poema do mensaleiro João Paulo Cunha que revela a mágoa em relação ao ex-presidente LULArápio.
"Anos atrás recebi do então governador de Brasília Cristovam Buarque o ‘premio manuel bonfim’, atribuído ao meu livro "Chatô, o rei do Brasil". Já pedi à Marília para localizar a placa de prata. Vou devolver. de golpista não quero nada. Nem prêmio".

Escritor Petralha Fernando Morais

“Que pena que nossos gênios estejam tão obtusos. E tão viciados no aparelhamento. O PT corrompeu mais do que a política, corrompeu a inteligência e o caráter. E aos poucos vão mostrando que a volta da Dilma por mais dois anos, com essa gente, vai embrutecer o País e seguir se apropriando do Estado. Pior que não tem juiz Moro para este tipo de roubo: da inteligência e do caráter. Ele não falou em devolver os dez mil que recebeu do prêmio. Na época eram dez mil dólares. Nem o que ele fazia no governo do Quercia".

Senador Cristovam Buarque

terça-feira, outubro 05, 2004

JAPÃO PASSA A COMPRAR MANGA BRASILEIRA APÓS 32 ANOS DE NEGOCIAÇÕES

Depois de 32 anos de negociações, o governo do Japão assinou o decreto abrindo seu mercado para as mangas produzidas no Brasil, anunciou hoje (05/10) o ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Roberto Rodrigues. O primeiro-ministro Junichiro Koizumi havia comunicado, em 16 de setembro, ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva o interesse em abrir seu mercado. “A abertura sinaliza uma nova fase nas relações comerciais agrícolas entre Brasil e Japão”, diz Rodrigues.
O decreto do governo japonês permite a exportação de um volume inicial de 5.200 toneladas por ano da variedade “Tommy Atkins”, produzida principalmente no Nordeste (Vale do São Francisco e Livramento - BA) e em São Paulo. O assessor para Assuntos Internacionais da Secretaria de Defesa Agropecuária, Gilson Cosenza, informa que 90% das 820 mil toneladas de manga produzidas todo ano no Brasil são dessa variedade. O ministro tratou pessoalmente dessa abertura com representantes do governo japonês em três viagens que fez ao país desde 2003 – a última delas no fim de maio deste ano. “Há 20 anos, quando ainda era dirigente cooperativista, já lutava por essa abertura no mercado japonês”, lembra Rodrigues.
Em 2003, o Brasil exportou 126 mil toneladas da fruta para Estados Unidos e União Européia, gerando US$ 71 milhões em divisas. As mangas destinadas ao mercado japonês, ainda mais exigente que o norte-americano e o europeu, devem ser comercializadas a US$ 2 mil por tonelada. Nessa primeira etapa, as exportações para o Japão devem render anualmente cerca de US$ 10,4 milhões ao país.

Mais produção
A abertura do mercado do Japão significará um substancial aumento na produção de manga no pólo de fruticultura irrigada do Vale do São Francisco, avalia Rodrigues. A última barreira superada nas negociações foi o tratamento pós-colheita da fruta. O procedimento adotado pelo Brasil passou a incluir a lavagem da fruta com água quente para evitar a presença de larvas e ovos da mosca do mediterrâneo, além do tratamento com hipoclorito para matar bactérias.
O ministro Rodrigues entende que a abertura simboliza uma nova fase nas relações comerciais nipo-brasileiras. “Esperamos que agora comece uma terceira fase nessas relações com a adoção dos biocombustíveis à base de etanol e biodiesel no Japão”. Ele lembra que a imigração japonesa foi fundamental para a implantação e a expansão do agronegócio no Brasil. “Os japoneses trouxeram novas tecnologias de produção e introduziram fortes noções de associativismo e cooperativismo no Brasil. Além disso, os recursos do governo do Japão foram fundamentais para financiar a abertura de novas áreas agrícolas em nossos Cerrados”, afirma.

Fonte: MAPA

Nenhum comentário:

+ LIDAS NOS ÚLTIMOS 30 DIAS

Arquivo do blog