A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT

A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT
AgroBrasil - @gricultura Brasileira Online
Ofereci meus ombros. Como escada ele subiu. Abri o caminho para ele passar. Na hora da porrada a cara era a minha. Fui seu irmão seu amigo e companheiro... Um dia encontrou comigo. Me deu um beijo. Virou as costas e partiu. Lembrei de Jesus e as 30 moedas"
Poema do mensaleiro João Paulo Cunha que revela a mágoa em relação ao ex-presidente LULArápio.
"Anos atrás recebi do então governador de Brasília Cristovam Buarque o ‘premio manuel bonfim’, atribuído ao meu livro "Chatô, o rei do Brasil". Já pedi à Marília para localizar a placa de prata. Vou devolver. de golpista não quero nada. Nem prêmio".

Escritor Petralha Fernando Morais

“Que pena que nossos gênios estejam tão obtusos. E tão viciados no aparelhamento. O PT corrompeu mais do que a política, corrompeu a inteligência e o caráter. E aos poucos vão mostrando que a volta da Dilma por mais dois anos, com essa gente, vai embrutecer o País e seguir se apropriando do Estado. Pior que não tem juiz Moro para este tipo de roubo: da inteligência e do caráter. Ele não falou em devolver os dez mil que recebeu do prêmio. Na época eram dez mil dólares. Nem o que ele fazia no governo do Quercia".

Senador Cristovam Buarque

+ LIDAS NA SEMANA

terça-feira, setembro 04, 2007

CABANHA BONS VENTOS BATE RECORDE DE PREÇO NO II LEILÃO TOP CABRA & OVELHA


No último dia 13 de agosto foi realizado o II Leilão Top Cabra & Ovelha, no Centro de Exposições Imigrantes, em São Paulo/SP. A propriedade Cabanha Bons Ventos, de Sérgio Colaço da Silva, bateu recorde de preço com a aquisição de uma fêmea da raça Dorper, parida e prenha do campeão nacional Grafite, propriedade de Rolderick Lins de Brito, Fazenda Bom Jesus. O valor total do lote ficou em R$ 22.800,00, parcelas de R$ 950,00.
A Cabanha Bons Ventos se dedica à criação de ovinos desde 1977, tendo início em Barra do Ribeiro/RS, com a importação de animais da raça Ile de France. Agora, com nova sede no município de Pirassununga/SP, a Cabanha Bons Ventos iniciou a criação de ovinos da raça Dorper e White Dorper com a aquisição de várias matrizes e embriões importados da Austrália e África do Sul.
Usando a técnica da transferência de embriões (TE), para a reprodução dos melhores animais, a Cabanha Bons Ventos tem como objetivo a oferta de reprodutores da mais alta qualidade, que possam contribuir para o melhoramento genético dos rebanhos a que se destinam. Mais informações no site www.cabanhabonsventos.com.br.


Atitude Assessoria em Comunicação
11 4229-0112 / 8400-1520
www.atitudecom.com.br

Projeto de horticultura no Acre vai mudar cenário agrícola do Estado

Exemplo será o projeto desenvolvido no Amapá desde 2004 pelo Sebrae; técnicos do Acre farão visita àquele Estado, nos dias 4 e 5, para conhecer ações do projeto

Agricultores de Rio Branco, Bujari e Mâncio Lima, no Acre, em breve praticarão horticultura com auxílio do Sebrae. É que a Instituição no Estado está elaborando um projeto para capacitar esses produtores. A idéia é abastecer o mercado local com tomate, cebola, beterraba, cenoura e repolho verde e, ainda, gerar trabalho e renda para a população.
Atualmente, a Associação de Supermercados do Acre compra cerca de 400 toneladas por semana desses alimentos na época da safra e cerca de 100 toneladas por semana na entressafra. Os produtos são comprados do Sudeste e do Centro-oeste do País. Por isso chegam 40% mais caros à mesa dos acreanos.
Diante da oportunidade de mercado, o gestor local do projeto, Francinei Santos, conta que no início serão beneficiados 115 agricultores – 90 em Rio Branco e Bujari e 25 em Mâncio Lima. A maior parte desses produtores, hoje, cultiva folhosas em grande escala. “Eles estão animados para participar do projeto e cultivar outros alimentos”, diz Santos.
A consultora da Unidade de Agronegócios do Sebrae Nacional, Maria Maurício, explica que o novo projeto será baseado na horticultura desenvolvida pelo Sebrae no Amapá. “Esse projeto foi um sucesso e é referência para grupos que pretendam desenvolver ações desta natureza”, conta.
Por conta disso, consultores do Sebrae do Acre vão visitar, nesta terça (4) e na quarta-feira (5), os locais do Amapá onde foram desenvolvidas ações de horticultura. No Amapá, o projeto começou em 2004. Lá foram beneficiados 63 produtores das comunidades do Km 9, Ramal do Curralinho e Pólo da Fazendinha.
O projeto do Amapá, encerrado no ano passado, elevou o número de pessoas ocupadas na horticultura em 37,5%, o mix de produtos em 90% e o faturamento em 26,5%. As ações tiveram foco no associativismo e desenvolvimento tecnológico.
O gestor local do projeto no Amapá, Reginaldo Macedo Alves, explica que o projeto está sendo reestruturado. “Nosso foco agora será inovação tecnológica e comercialização. Além disso, incluiremos o atendimento a outras comunidades”, diz.
Francinei Santos, do Acre, acredita que a visita será muito útil. “Vamos observar as experiências positivas que eles tiveram. Já identificamos que as dificuldades que tiveram no início são as mesmas que temos por aqui.” Santos ressalta que técnicas de irrigação e sistemas de cultivo, por exemplo, são alguns dos aprendizados que levará do Amapá.
Com o projeto, os agricultores do Acre aprenderão técnicas de produção voltadas para o cultivo de alimentos orgânicos e convencionais. Receberão também capacitação em gestão de negócios e assistência técnica continuada.

Serviço
Agência Sebrae de Notícias – (61) 3348-7494 / 2107-9362/9356
Sebrae Acre – (68) 3216-2100
Sebrae Amapá – (96) 3312-2800

Giovana Perfeito
www.interjornal.com.br
asn.interjornal.com.br

+ LIDAS NOS ÚLTIMOS 30 DIAS

Arquivo do blog