A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT

A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT
AgroBrasil - @gricultura Brasileira Online
Ofereci meus ombros. Como escada ele subiu. Abri o caminho para ele passar. Na hora da porrada a cara era a minha. Fui seu irmão seu amigo e companheiro... Um dia encontrou comigo. Me deu um beijo. Virou as costas e partiu. Lembrei de Jesus e as 30 moedas"
Poema do mensaleiro João Paulo Cunha que revela a mágoa em relação ao ex-presidente LULArápio.
"Anos atrás recebi do então governador de Brasília Cristovam Buarque o ‘premio manuel bonfim’, atribuído ao meu livro "Chatô, o rei do Brasil". Já pedi à Marília para localizar a placa de prata. Vou devolver. de golpista não quero nada. Nem prêmio".

Escritor Petralha Fernando Morais

“Que pena que nossos gênios estejam tão obtusos. E tão viciados no aparelhamento. O PT corrompeu mais do que a política, corrompeu a inteligência e o caráter. E aos poucos vão mostrando que a volta da Dilma por mais dois anos, com essa gente, vai embrutecer o País e seguir se apropriando do Estado. Pior que não tem juiz Moro para este tipo de roubo: da inteligência e do caráter. Ele não falou em devolver os dez mil que recebeu do prêmio. Na época eram dez mil dólares. Nem o que ele fazia no governo do Quercia".

Senador Cristovam Buarque

+ LIDAS NA SEMANA

quarta-feira, julho 07, 2004

XIII EXPOSIÇÃO AGROPECUÁRIA DE QUISSAMÃ RESGATA PROGRAMAÇÃO TÉCNICA

Município do Norte fluminense alia alta tecnologia e atrações festivas durante quatro dias de evento

As informações técnicas são valiosas para os produtores rurais, assim como o conhecimento sobre o mercado para melhor comercialização de suas safras. Com objetivo de atender esta demanda, a Secretaria Municipal de Agricultura e Desenvolvimento Econômico de Quissamã (Semag) vai promover dois dias de encontros técnicos durante a XIII Exposição Agropecuária, Turística e Industrial de Quissamã, que acontecerá entre 15 e 18 de julho, no Parque de Exposições Renato Queirós Carneiro da Silva.
Na quinta-feira, dia 15, o I Encontro de Produtores de Coco de Quissamã reunirá palestras sobre tecnologia e comercialização no Anfiteatro da Prefeitura Municipal de Quissamã. Além de painéis sobre o desenvolvimento do município a partir da comercialização do coco in natura e da água de coco, os participantes terão acesso a experiências de outras regiões, com apresentação dos especialistas em fruticultura, Fernando Abreu, pesquisador da Embrapa no Ceará, e Aluísio Gomes, presidente do GCV, de Petrolina.
Na sexta-feira, a programação será aberta pela inauguração da I Etapa do Projeto de Irrigação do Canto de Santo Antônio, com apresentação do projeto e visita ao longo do canal de irrigação. Às 11h30, começa o Quissamã Show Agrícola, que reunirá empresas de implementos agrícolas de todo o país para demonstrações de como funcionam as mais modernas e máquinas e equipamentos disponíveis no mercado. Os fabricantes darão ênfase às culturas do coco, abacaxi, cana-de-açúcar e mandioca, principais atividades do município.
“Nos inspiramos no Agrishow, um dos maiores eventos do gênero no mundo, realizado em Ribeirão Preto (SP). A idéia é resgatar a proposta técnica dos eventos agropecuários, apresentando aos produtores locais a mais alta tecnologia existente hoje. No encontro do coco daremos ênfase aos projetos de comercialização, uma vez que a produção já está consolidada no município, maior produtor de coco anão verde do estado do Rio de Janeiro”, destaca o secretário de Agricultura e Desenvolvimento Econômico, Haroldo Carneiro.
A XIII Exposição Agropecuária, Turística e Industrial de Quissamã reunirá exposição de animais, feira de indústria e comércio, rodeios e shows. A abertura oficial da exposição agropecuária acontece no dia 15, às 18 horas, após o encontro dos produtores de coco. Veja programação abaixo.

Projeto de irrigação
A Secretaria Municipal de Agricultura de Quissamã (Semag) lançará durante a XIII Exposição Agropecuária, Turística e Industrial de Quissamã a primeira fase do projeto de Irrigação do Canto de Santo Antônio. Trata-se de um antigo Projeto de irrigação do Norte Fluminense (Projir) desenvolvido na década de 80 pelo extinto Instituto de Açúcar e do Ácool (IAA) para irrigar 200 mil hectares de terra no Norte fluminense.
Os planos não foram concretizados, mas o problema de falta de chuvas persiste na região. Certa de que a irrigação é o componente que falta para que haja desenvolvimento sustentável em Quissamã, a Secretaria de Agricultura decidiu atualizar o projeto e adaptá-lo para o município. A primeira etapa já começou e vai irrigar 1,5 mil hectares e beneficiar 40 famílias de agricultores. O projeto total vai irrigar 12,5 mil hectares e atender a 180 pequenos produtores. Os investimentos iniciais são da ordem de R$ 4,5 milhões.
A água será captada do Canal Campos-Macaé, segundo maior canal escavado do mundo, construído pelos escravos para escoamento de açúcar na época dos Engenhos de Cana-de-Açúcar. O canal foi revitalizado e, através de bombas, a água está sendo captada para irrigar uma área que está 10 metros acima do nível do mar. No futuro essa água será levada a 20 metros acima do nível do mar.
“A idéia é estimular a criação de um condomínio de produtores que sustente o abastecimento de água e o fornecimento de energia elétrica. Assim, a produtividade e a independência da região estarão garantidas”, acrescenta Haroldo Carneiro.
O Canto de Santo Antônio é um projeto piloto para garantir a completa irrigação dos Tabuleiros de Quissamã, que abrange um total de 12 mil hectares. O projeto completo, maior da região Sudeste, deverá ser concluído em quatro anos e absorverá cerca de R$ 25 milhões.

Programação da Exposição

14 de Julho
Recepção de Animais
Shows: Kleber Lucas - 18h – Palco Oficial
Alma Gêmea – Palco – 21h
Jeito Moleke – Palco - 23h
Ninil e Banda - Tattersal - 24:00

15 de julho
1º Encontro de Produtores de Coco de Quissamã – 15h
Auditório Municipal da Prefeitura de Quissamã
Shows: Amado Batista, 23h – Palco Oficial
Lenildo e Banda – Tattersal – 24h

16 de julho
Quissamã Show Agrícola - 9h
Inauguração do Projeto Piloto de Irrigação de Canto de Santo Antônio
Local: Horto Municipal de Quissamã
Shows: Babado Novo – 23h – Palco Oficial
Zazal – Tattersal – 24h

17 de julho
Quissamã Show Agrícola - Horto Municipal - 9h
Local: Horto Municipal de Quissamã
Copa Nova Era de Motocross (treino) – 12 h - Parque de Exposições
Show : Simone – 23h – Palco Oficial
Forró Pai D`Égua – Tattersal – 24h

18 de julho
Copa Nova Era de Motocross – 13 h
Final do I Campeonato Quissamaense de Laço regional em Equipe – 13h
Local: Parque de Exposições
Shows: Chitãozinho e Xororó – 23h – Palco Oficial
Beto e Cia – Tattersal – 24h

15 a 18 de julho
Shows com Geraldão da Sanfona e Dedé e Cia no Quiosque de Alimentação – a partir das 22h
XIV Concurso Leiteiro - às 8h e às 20h
5ª Etapa da Copa Atlântico Nelore – a partir das 9h
Provas Hípicas com o Clube do Cavalo de Quissamã – 9h
Cia. de Rodeio Tony Nascimento – às 21 h
Local: Parque de Exposições Renato de Queirós Carneiro da Silva

Mais informações:

Maria José de Queirós
(22) 2768-9300
ascom@quissama.rj.gov.br

Tatiana Siqueira
(21) 9888-6973
Tatiana.siqueira@globo.com

ANHEMBI MORUMBI PROMOVE WEB CONFERÊNCIA SOBRE CIRURGIA EM BOVINOS

Encontro virtual terá participação de profissionais de diversos países e faz parte da programação do 23o Congresso Mundial de Buiatria

A Universidade Anhembi Morumbi promoverá, no dia 16 de julho, às 9h30, uma web conferência sobre cirurgias em bovinos. O evento é gratuito e aberto a profissionais da área, mediante inscrição prévia. A conferência faz parte da programação científica do 23o Congresso Mundial de Buaitria, que será realizado em Quebéc – Canadá, de 11 a 16 de julho.
Na conferência virtual, profissionais especializados de países como Uruguai, México, França, Canadá e Marrocos, além do Brasil, debaterão as diferentes abordagens cirúrgicas em ruminantes. A organização está a cargo do Dr. Denis Harvey, da Universidade de Montreal, e do Dr. Maurício Garcia, Vice-Reitor da Universidade Anhembi Morumbi e médico veterinário buiatra. O mediador será o Dr. Neimar Roncati, coordenador do curso de Medicina Veterinária da Anhembi Morumbi.
A duração prevista é de três horas e as palestras serão ministradas em língua inglesa. As vagas são limitadas. Os interessados em acompanhar a web conferência devem se inscrever pelo telefone 11-6090-4576.

Mais informações à imprensa
Solange Guarino / Carlos Gil
(11) 3845 2109 / 3643 2711
solange@anhembi.br / carlosgil@cdn.com.br

Unipac lança produto na Movimat 2004

A participação da Unipac na Movimat 2004 - Feira de Logística, Movimentação, Armazenagem e Transporte de Materiais - será marcada pelo lançamento de um novo produto da área de logística da empresa: o palete desenvolvido exclusivamente para o transporte de tambores. Este e outros produtos da Unipac estarão expostos no Expo Center Norte, em São Paulo, de 10 a 13 de agosto.
Fabricados pelo processo de termoformagem, os paletes para tambores atenderão aos segmentos que necessitam de transporte de tambores, como as indústrias química e alimentícia, para o mercado interno e externo, e poderão ser utilizados em sistemas logísticos internos, dentro das unidades fabris, e externos, entre fábricas da mesma empresa ou entre empresas parceiras.
Cada palete possui dimensões de 1,2 m por 1,2 m e comporta quatro tambores de 200 litros; são retornáveis, de fácil limpeza, não exigem manutenção e permitem empilhamento de 1+ 3 paletes, com segurança.

Expectativas
A Unipac acredita que a Movimat é uma ótima possibilidade de promover novos negócios e fortalecer a presença da empresa na área de movimentação de materiais. "É uma oportunidade de apresentar nossos produtos num evento que tem grande visitação, a um público bastante específico", conta Marcos Ribeiro, gerente de unidade de negócio da empresa.
Para a Unipac, o segmento de logística é extremamente promissor e a Movimat favorece o contato com novos e antigos clientes, gerando um número de consultas bastante significativo, como tem ocorrido em outras edições do evento. A Unipac participa desta feira desde 1990 e, nesta edição, exporá seus produtos num estande de 60 m², na rua U, número 9, esquina com ruas L e M.

Presença de mercado
Além do novo palete, serão apresentados todos os produtos do setor de movimentação fabricados pela Unipac: Caixamóbil; Paletes injetados e termoformados; Linha KLT; o Aramóbil. Serão apresentados também a Caixamóbil Light Industrial e Agrícola. Também estarão expostos produtos para movimentação fabricadas pela ArcaSystems, do Grupo Sueco Perstorp, com quem a Unipac possui uma joint-venture desde 1999 - a Unipac ArcaSystem.

A Feira
A Movimat reúne empresas de produtos e serviços relacionados a transporte, logística, armazenagem. Os visitantes são empresários, diretores e gerentes das áreas de materiais e suprimentos, profissionais de logística e dos setores de movimentação e armazenagem de materiais, engenharia industrial, embalagens, transporte, que encontram na feira o que há de mais atual no setor.
O evento ocorre nos pavilhões branco e azul do Expo Center Norte, em São Paulo (SP), entre os dias 10 e 13 de agosto, das 14h às 21h.

Perfil da Unipac
Unipac integra o Grupo Jacto, que é formado por empresas que atuam nos ramos agrícola, de transportes e meio ambiente. Há mais de 28 anos, a Unipac foca seus objetivos estratégicos no segmento de transformação de plástico. Executa 6 processos de transformação em seu parque industrial: Sopro, Injeção, Injeção Espumada Estruturada, Extrusão, Termoformagem e Rotomoldagem e atende, atualmente, aos mercados automotivo, agropecuária, construção civil, consumo, logístico e embalagens industriais para os setores agroquímico, alimentício, fotoquímico, limpeza, químico, entre outros, podendo processar mais de 16.000 toneladas/ano de resinas termoplásticas. Conta com cerca de 850 funcionários e 126 máquinas de transformação de plástico, instaladas em um total 30.000 m2 de área construída, correspondentes às áreas das quatro indústrias situadas no Estado de São Paulo, referentes a quatro unidades fabris no Estado de São Paulo, sendo duas in house.
A empresa está sempre na vanguarda tecnológica, já tendo desenvolvido mais de 2.000 moldes dos mais variados tamanhos, pesos e geometrias, numa variação de produtos que vão desde frascos de 60 ml, até tanques de 5500 litros. Esta capacitação permitiu à empresa alcançar um aumento de produtividade de 13% em 2003, índice que deve chegar a 10% neste ano. Em 2004, a empresa um aumento no faturamento em torno de 8%, taxa semelhante ao conquistado em 2003 em relação ao ano anterior.

Inês Cardoso - Via Pública Comunicação
Telefones: (11) 3722.4086 - 9950.6687
E-mail: viapublica@viapublicacomunicacao.com.br

Unipac Indústria e Comércio Ltda
Telefone: (11) 4166.4260
www.unipac.com.br

Adubo orgânico estimula genes do tomate

Os defensores da agricultura orgânica acabam de ganhar mais um motivo para defender essa prática. Um estudo feito por cientistas do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos acaba de revelar que alguns processos gênicos do tomate são melhores regulados nas plantas que cresceram a partir de técnicas orgânicas de agricultura.
Foram detectados dez genes que funcionam melhor a partir de substâncias naturais. Entre os processos, que não tiveram uma regulação muito eficiente quando os tomates foram tratados com compostos químicos, estão alguns bastante importantes. Vários genes relacionados com o envelhecimento da planta e com a resistência a vários tipos de doença se comportaram melhor nos campos cultivados com práticas da agricultura sustentável.
O trabalho, assinado por Vinod Kumar, Douglas Mills, James Anderson e Autar Mattoo, publicado na edição de 6 de julho da Proceedings of the National Academy of Sciences (PNAS), mostra um modelo que explica como os compostos protéicos do tomate utilizam e mobilizam no campo, com mais eficiência, as moléculas de carbono e nitrogênio presentes nos adubos naturais. E, como conseqüência desses processos biomoleculares, aqueles tomates se tornam mais resistentes e com mais tempo de vida.
Os resultados obtidos pelo grupo norte-americano dão importantes evidências de que as práticas de agricultura sustentável são viáveis. Além disso, a identificação inédita de genes que funcionam de forma diferente na agricultura sustentável e na tradicional (com o uso de adubos químicos) também pode abrir novas linhas de pesquisas científicas, comprometidas com a conservação ambiental.


Fonte: Agência FAPESP

Novos casos da gripe do frango são confirmados em países asiáticos

Os governos da Tailândia e da China anunciaram que estão iniciando um abatimento em massa das aves nas fazendas onde os casos foram confirmados.
As autoridades estariam confiantes de que a doença poderia ser contida.
O tipo da infecção é o mesmo que matou 24 pessoas no início deste ano – oito delas na Tailândia.
O ressurgimento da doença causará danos à indústria aviária da região, que recém havia se recuperado da matança de cem milhões de aves na epidemia anterior.
A Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação diz que o vírus H5N1 pode permanecer inativo em áreas afetadas por mais de um ano.

Fonte: BBC

Fungo potente pode dizimar plantações de banana no Paraná

A Secretaria da Agricultura e Abastecimento do Paraná está alertando os produtores de banana paranaenses para o risco de contaminação pela cigatoka negra, um fungo potente, capaz de dizimar a produção nas áreas atacadas.
O Paraná está adotando medidas preventivas contra a doença (Mycosphaerella fijiensis) em função de ter sido registrado, no final de junho, um caso no município paulista de Miracatu. No Brasil, os estados do Acre, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Pará, Rondônia e Roraima já lutam para conter a doença, que pode reduzir a produtividade a zero.
A Secretaria está preparando uma portaria para disciplinar as ações de controle no Paraná. Cargas de bananas de outros estados só podem entrar no Paraná se tiverem a emissão de Permissão de Trânsito Vegetal Fundamentada em Certificado Fitossanitário de Origem, que o caminhoneiros obtêm na fiscalização estadual.
A transmissão da cigatoka negra se dá por esporos que podem ser levados pelo vento, mudas ou folhas infectadas.
No Paraná, são cerca de 6,5 mil pessoas diretamente envolvidas no cultivo da banana, em uma área de 9.970 hectares, com uma produção de 231.493 toneladas. As áreas de produção estão localizadas na região de Guaratuba e Guaraqueçaba, Cornélio Procópio e Andirá, Foz do Iguaçu.
O Departamento de Fiscalização e Defesa Agropecuária pretende estabelecer parcerias com todos os segmentos envolvidos desde a produção, transporte e comercialização de bananas para evitar que a doença se alastre no Paraná.

Fonte: Agência Brasil

Banco de DNA concorre a prêmio mundial de tecnologia

O Banco de DNA de Espécies da Flora Brasileira do Instituto de Pesquisas Jardim Botânico do Rio de Janeiro está concorrendo a edição deste ano do Prêmio Mundial de Tecnologia (World Technology Award), na categoria meio ambiente. Inaugurado em junho passado, o Banco de DNA é o primeiro do Brasil e da América Latina voltado para a pesquisa da flora e a conservação genética de sua diversidade.
O laboratório é um registro hitórico da variação vegetal. Com o banco, é possível conservar genes que, no futuro, poderão ser utilizados para produzir substâncias de interesse econômico, mesmo que a espécie não mais exista na natureza.
O banco, que recebeu investimentos de R$ 400 mil da Aliança do Brasil Companhia de Seguros, do Banco do Brasil, trabalha com amostras de coleções do arboreto como palmeiras, espécies relevantes de ecossistemas brasileiros raros e/ou ameaçados e amostras do herbário.
A ministra do Meio Ambiente, Marina Silva, o presidente do Jardim Botânico, Liszt Vieira, e os pesquisadores responsáveis pelo desenvolvimento do projeto, Luciana Franco, Mônica Cardoso, Sérgio Ricardo Sodré Cardoso, Adriana Hemerly, e Paulo Ferreira foram indicados para receber o prêmio, promovido pela Nasdaq, rede de televisão CNN, revistas Time e Science e pela Microsoft. Os projetos vencedores serão anunciados no início de outubro, em São Francisco, nos Estados Unidos.

Fonte: InforMMA

+ LIDAS NOS ÚLTIMOS 30 DIAS

Arquivo do blog