A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT

A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT
AgroBrasil - @gricultura Brasileira Online
Ofereci meus ombros. Como escada ele subiu. Abri o caminho para ele passar. Na hora da porrada a cara era a minha. Fui seu irmão seu amigo e companheiro... Um dia encontrou comigo. Me deu um beijo. Virou as costas e partiu. Lembrei de Jesus e as 30 moedas"
Poema do mensaleiro João Paulo Cunha que revela a mágoa em relação ao ex-presidente LULArápio.
"Anos atrás recebi do então governador de Brasília Cristovam Buarque o ‘premio manuel bonfim’, atribuído ao meu livro "Chatô, o rei do Brasil". Já pedi à Marília para localizar a placa de prata. Vou devolver. de golpista não quero nada. Nem prêmio".

Escritor Petralha Fernando Morais

“Que pena que nossos gênios estejam tão obtusos. E tão viciados no aparelhamento. O PT corrompeu mais do que a política, corrompeu a inteligência e o caráter. E aos poucos vão mostrando que a volta da Dilma por mais dois anos, com essa gente, vai embrutecer o País e seguir se apropriando do Estado. Pior que não tem juiz Moro para este tipo de roubo: da inteligência e do caráter. Ele não falou em devolver os dez mil que recebeu do prêmio. Na época eram dez mil dólares. Nem o que ele fazia no governo do Quercia".

Senador Cristovam Buarque

+ LIDAS NA SEMANA

terça-feira, novembro 21, 2006

BELGO BEKAERT APRESENTA NOVIDADE PARA O PECUARISTA NA FENAGRO 2006

Líder nacional no mercado de arames e com forte atuação no Nordeste, a Belgo Bekaert participa da maior feira agropecuária da região, a Fenagro, que começa neste sábado (25/11) e vai até dia 3 de dezembro, no Parque de Exposições de Salvador.
Além dos novos e consagrados produtos, a Belgo Bekaert apresenta aos visitantes a caminhonete cabine dupla zero quilômetro, da promoção “Acelere com a Belgo”. Até dia 31 de dezembro, quem comprar um rolo de arame farpado Motto ou arame liso Belgo Z-700, carros-chefes da empresa, estará concorrendo ao prêmio.
O estande da Belgo Bekaert na Fenagro também será palco do lançamento do novo arame para os pecuaristas: o Z-800 Bezinal, especialmente projetado para cercas em terrenos litorâneos ou sujeitos a alagamento.
Segundo Luciano Carvalho, técnico da Belgo no Estado, embora todos os metais sejam suscetíveis ao processo corrosivo, o Z-800 Bezinal, por ser revestido com uma liga bimetálica, contendo 95% de zinco, 5% de alumínio e adições de terras raras (mischmetal), possui elevada resistência à corrosão, mesmo por longos períodos debaixo d’água.
Investindo em produtos modernos e exclusivos para o mercado de caprinovinocultura, em franca expansão no Nordeste, a Belgo Bekaert destaca no evento a Tela Campestre, que se diferencia das telas comuns pela galvanização pesada; flexibilidade; ampla aplicação; economia de mão-de-obra e de madeira; e baixo custo de manutenção. O produto é oferecido nas alturas de 60 cm e 1,20 m. A tela também possui a vantagem de ser a única que se adapta a todos os tipos de relevo, acompanhando as ondulações do terreno.

Luciana Marcatti - Equipe Regina Perillo Comunicação
Fone: (31) 3481-4888 / 9196-1964

quinta-feira, novembro 09, 2006

Biotecnologia: Biominas faz seminário para professores em Belo Horizonte

Os professores de Minas Gerais terão oportunidade de rever seus conhecimentos de biologia e, mais especificamente, de se informar sobre os atuais avanços da biotecnologia no próximo dia 25, sábado, em seminário a ser realizado pela Fundação Biominas, no Royal Center Hotel, no centro de BH. Com inscrições gratuitas, o encontro reunirá profissionais de diversas áreas para compartilhar suas experiências sobre o assunto, esclarecendo conceitos e apresentando novidades sobre a engenharia genética e suas aplicações na área de saúde e agricultura (plantas e alimentos transgênicos), entre outras.
O evento da Biominas faz parte do programa Ciência&Saúde, que se propõe a contribuir para disseminar informações sobre biotecnologia, estreitando as relações entre ciência e sociedade e, no caso dos professores, até fornecendo materiais didáticos para uso em sala de aula. Com o patrocínio da Monsanto, pioneira mundial em aplicações agrícolas de biotecnologia, o encontro com os professores em BH conta com o apoio de instituições nacionais como Unicamp (Universidade Estadual de Campinas), CBMEG (Centro de Biologia Molecular e Engenharia Genética), IB (Instituto de Biologia) e ABRAN (Associação Brasileira de Nutrologia).

Programação do evento para professores mineiros
As quatro apresentações que compõem a programação do seminário realizado pela Biominas acontecem entre as 8h e as 13h30 do sábado, no auditório do Royal Center Hotel (Rua Rio Grande do Sul, 856, Centro/B-Lourdes). A expectativa dos palestrantes é contribuir com a atualização dos professores presentes e, principalmente, fornecer-lhes novas abordagens sobre o assunto que podem lhes ser úteis nas aulas sobre esta nova tecnologia.
Uma das apresentações, inclusive, focará exatamente esses aspectos e será apresentada por uma autoridade mineira no assunto, o professor doutor Fernão Castro Braga, farmacólogo, doutor em Química pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e pós-doutorado pela Universität München. Com uma apresentação intitulada “Biotecnologia para a Sala de Aula”, Braga adianta que pretende “oferecer ferramentas aos professores para que assuntos complexos relacionados a biotecnologia sejam tratados de forma interessante e atraente”.
Outra palestrante, já acostumada a fazer palestras para estudantes e, portanto, com farta experiência em didática para exposições sobre biotecnologia, é a jornalista Ruth Helena Bellinghini, especializada em Ciências pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT). Ela falará justamente sobre “Introdução à biotecnologia”, com o objetivo de desmitificar os diversos temas que giram ao redor dessa ciência, como clonagem, células-tronco e transgênicos. A jornalista especializada em Ciências também abordará as aplicações atuais e os usos futuros da biotecnologia.
Durante o encontro da Biominas, o professor doutor Marcelo Menossi, biólogo, doutor em Genética Vegetal pela Universidade de Barcelona e pós-doutorado em Biotecnologia de Plantas pela Unicamp/SP, vai se incubir de explicar aos professores como se desenvolvem as aplicações da biotecnologia na área agrícola, resultando nos tão falados alimentos transgênicos. Já para um outro especialista em assuntos de biotecnologia, o Dr. João Pedro Junqueira Caetano, médico mineiro especializado em Ginecologia e Obstetrícia pela UFMG e pós-doutorado em Infertilidade Humana e Fertilização In Vitro pelo Hospital Antoine Béclère, da Universidade de Paris, caberá discorrer sobre as relações entre células-tronco, biotecnologia e a saúde humana.

Inscrições limitadas no site da Biominas
As vagas para o encontro da Biominas no dia 25 são gratuitas e as inscrições devem ser feitas antecipadamente somente no seu site (www.biominas.org.br). As inscrições serão garantidas de acordo com a ordem de data e o horário da inscrição, em função da disponibilidade de espaço reservada no local do evento. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (31) 3486-1733.
Ao final das palestras, os professores receberão da Biominas certificados de participação no seminário. Também serão distribuídos, gratuitamente, exemplares do livro “Transgênicos e células-tronco: duas revoluções científicas”, do jornalista especializado em Ciências Alessandro Greco. Trata-se de uma compilação de informações sobre o desenvolvimento e as aplicações da biotecnologia, já aprovadas no Brasil pela Lei Nacional de Biossegurança e cujos produtos já se encontram no dia-a-dia dos brasileiros, nos supermercados e nas farmácias.

SERVIÇO
Fundação Biominas
Programa Ciência&Saúde
Seminário para professores em Minas Gerais
Data: 25 de novembro de 2006, sábado
Local: Royal Center Hotel, auditório de eventos
(Rua Rio Grande do Sul, 856, Centro/B-Lourdes)
Horário: das 8h às 13h30
Inscrições gratuitas: www.biominas.org.br
Realização: Fundação Biominas
Patrocínio: Monsanto do Brasil
Apoio: Unicamp (Universidade Estadual de Campinas), CBMEG (Centro de Biologia Molecular e Engenharia Genética) e IB (Instituto de Biologia) e ABRAN (Associação Brasileira de Nutrologia)

Assessoria de comunicação
Barcelona Soluções Corporativas
Contatos: (11) 3817-7976

segunda-feira, novembro 06, 2006

BELGO BEKAERT APRESENTA NA FENAGRI 2006 PRODUTOS EXCLUSIVOS PARA FRUTICULTURA

A Belgo Bekaert Arames apresenta na Fenagri – Feira Nacional da Agricultura Irrigada – sua completa linha de produtos entre arames, arremates, chapas e hastes, desenvolvida para o cultivo frutas. O maior e mais importante evento do setor ocorre entre os dias 8 e 11 de novembro, no Centro de Convenções Senador Nilo Coelho, em Petrolina/PE.
Líder nacional no mercado de arames, a Belgo Bekaert oferece ao produtor rural uma variedade de produtos para agropecuária, unindo alta tecnologia, durabilidade e prestação de serviços. Entre os consagrados itens, a Belgo Bekaert possui uma linha de arames desenvolvidos especialmente para a fruticultura. O assistente técnico regional Luciano Carvalho destaca na Fenagri o Frutifio e o Belgo ZZ-800.
Indicado para videiras, kiwizeiros e maracujazeiros, o Frutifio tem como diferenciais ser um material leve (27 quilos o rolo 1.000m); com resistência mecânica alta (500 quilos de carga de ruptura); galvanização pesada (três vezes mais zinco que um arame comum) para evitar corrosões e desgastes pelo tempo e uso de defensivos; e coeficiente de alongamento muito baixo (para não dar “barriga”). Já no Frutifio Ondulado, uma pequena ondulação mantém os amarrilhos de sustentação posicionados corretamente, o que o torna ideal para o tutoramento de tomates, substituindo o bambu, principal hospedeiro de pragas e doenças.
Outro arame recomendado para a fruticultura pela alta resistência e durabilidade é o ZZ- 800, muito usado em regiões alagadas ou litorâneas, pois possui uma camada pesada de zinco que protege contra a ferrugem.
Entre a linha exclusiva da Belgo Bekaert para o setor, o produtor também encontra as varetas para tutorar mudas frutíferas - Belgo Varetas e as varetas para montagem de estufas de morango. Os produtos são comercializados com galvanização simples ou pesada; ou revestidos de PVC de alta aderência para evitar a exposição da parte metálica, tecnologia exclusiva da empresa. O Trabalho com a vareta pronta da Belgo Bekaert, cortada no comprimento desejado pelo produtor, gera economia de tempo e de mão-de-obra.
Em todo o país os produtos estão disponíveis nos pontos de venda Belgo Bekaert, que também oferecem ao consumidor uma ampla estrutura de apoio técnico e orientações. Mais informações pelo telefone: 0800 727 2000.



Luciana Marcatti
Equipe - Regina Perillo Comunicação
31. 3481.4888 - 31. 9196-1964

+ LIDAS NOS ÚLTIMOS 30 DIAS

Arquivo do blog