A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT

A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT
AgroBrasil - @gricultura Brasileira Online
Ofereci meus ombros. Como escada ele subiu. Abri o caminho para ele passar. Na hora da porrada a cara era a minha. Fui seu irmão seu amigo e companheiro... Um dia encontrou comigo. Me deu um beijo. Virou as costas e partiu. Lembrei de Jesus e as 30 moedas"
Poema do mensaleiro João Paulo Cunha que revela a mágoa em relação ao ex-presidente LULArápio.
"Anos atrás recebi do então governador de Brasília Cristovam Buarque o ‘premio manuel bonfim’, atribuído ao meu livro "Chatô, o rei do Brasil". Já pedi à Marília para localizar a placa de prata. Vou devolver. de golpista não quero nada. Nem prêmio".

Escritor Petralha Fernando Morais

“Que pena que nossos gênios estejam tão obtusos. E tão viciados no aparelhamento. O PT corrompeu mais do que a política, corrompeu a inteligência e o caráter. E aos poucos vão mostrando que a volta da Dilma por mais dois anos, com essa gente, vai embrutecer o País e seguir se apropriando do Estado. Pior que não tem juiz Moro para este tipo de roubo: da inteligência e do caráter. Ele não falou em devolver os dez mil que recebeu do prêmio. Na época eram dez mil dólares. Nem o que ele fazia no governo do Quercia".

Senador Cristovam Buarque

+ LIDAS NA SEMANA

terça-feira, outubro 02, 2018

Embrapa realiza curso sobre processamento de sêmen refrigerado bovino


Tema será discutido na primeira semana de outubro

Foto: Daniel Marinho
Daniel Marinho - Tema será discutido na primeira semana de outubro

Nos dias 04 e 05 de outubro, a Embrapa Pantanal realiza na sede da instituição em Corumbá (MS) um curso sobre o processamento de sêmen refrigerado bovino. "O objetivo do curso é apresentar para os veterinários da região e de outros estados a importância do processamento de coleta, avaliação e refrigeração espermática para que ocorra aumento da prenhez durante a estação de monta, resultando em aumento da eficiência reprodutiva e produtiva". As palavras são da pesquisadora da Embrapa Pantanal Juliana Borges, coordenadora do curso.
De acordo com Juliana, o uso da técnica de refrigeração do sêmen bovino pode aumentar em até 20% as taxas de prenhez em comparação com o uso do sêmen congelado. Para atingir esses resultados, porém, é preciso trabalhar com o processamento correto do material. "Do contrário, corremos o risco de danificar a célula espermática ao invés de refrigerar com eficiência", afirma.
"Temos que fazer uma boa coleta, com higienização. Depois, é preciso avaliar previamente o sêmen para verificar questões como motilidade, vigor, concentração, patologia. Após tudo isso, temos que pensar em como refrigerar, que diluidor utilizar, de que maneira diluir e que concentração usar".
Para discutir o tema, serão realizadas abordagens e discussões de temas baseados em evidências científicas com base nos resultados obtidos pelo projeto + Cria, coordenado pela unidade pantaneira de pesquisa da Embrapa dentro do arranjo + Precoce, liderado pela Embrapa Gado de Corte. Os estudos investigam alternativas para aprimorar a qualidade e aumentar o número dos novilhos precoces produzidos no estado de MS.
"A realização deste curso antes da estação de monta do rebanho de bovinos de corte, que acontece de outubro a fevereiro ou de novembro a março no Pantanal (dependendo da distribuição das chuvas), é fundamental para capacitar e estimular a utilização dessa técnica", descreve Juliana.
O "I Curso de Processamento de Sêmen Refrigerado Bovino" conta com o apoio do Sindicato Rural de Corumbá. Além de Juliana Borges, o curso terá a participação do também pesquisador da Embrapa Pantanal Ériklis Nogueira. Inscrições, dúvidas sobre custos, locais de realização e outras perguntas relacionadas ao curso deverão ser feitas pelo e-mail juliana.borges@embrapa.br .
Serviço - I Curso de Processamento de Sêmen Refrigerado Bovino
Quando: 04 e 05 de outubro
Horário: das 08h às 12h30/ das 12h30 às 18h
Local: Sede da Embrapa Pantanal – rua 21 de setembro, 1.880, bairro N. S. de Fátima e fazenda Primavera (EMA Pantanal) / Corumbá (MS)
Programação:
Teoria
  • Processamento do sêmen bovino, conceito de sêmen fresco, refrigerado, congelado e líquido, importância dos diluidores, concentração e morfologia espermática
Prática
  • Colheita de sêmen via eletroejaculação;
  • Avaliação das características físicas (motilidade, vigor, concentração e patologia);
  • Diluição, refrigeração (e criopreservação) do sêmen bovino;
  • Avaliação do sêmen refrigerado bovino após processamento.
 Dia 04/10 (quinta-feira)
08:00 – 08:30 – Inscrições e recebimento do material
08:30 – 08:50 – Abertura
08:50 – 10:30 – Célula espermática, espermatogênese: espermatocitogênese e espermiogênese
10:30 – 10:45 – Intervalo
10:45 – 12:30 – Função dos diluidores
12:30 – 14:00 – Almoço
14:00 – 16:00 – Processamento do sêmen bovino, conceito de sêmen fresco, refrigerado, congelado e líquido, motilidade, vigor, morfologia e concentração espermática
16:00 – 16:15 – Intervalo
16:15 – 18:00 – Processamento do sêmen bovino, conceito de sêmen fresco, refrigerado, congelado e líquido, motilidade, vigor, morfologia e concentração espermática (continuação)
Dia 05/10 (sexta-feira)
08:00 – 18:00 – Curso prático com coleta, avaliação diluição e refrigeração dos ejaculados na Fazenda Primavera (EMA Pantanal) / Corumbá – MS.

Nicoli Dichoff (Mtb 3252/SC)
Embrapa Pantanal

Contatos para a imprensa
pantanal.imprensa@embrapa.br
Telefone: +55 (67) 3234-5879


Núcleo de Comunicação Organizacional (NCO)
Embrapa Pantanal
Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa)
Corumbá/ MS
Telefones: +55 (67) 3234-5879 / +55 (67) 3234-5955 / +55 (67) 3234-5953 | Fax: +55 (67) 3234-5815


Maior evento de irrigação do Brasil encerra com sucesso em Campinas (SP)


Durante três dias, setor discutiu e conheceu as principais soluções para a gestão da irrigação no país, apresentadas na FIIB 2018

Com 100 marcas presentes, 26 palestras, nove minicursos e oficina especializada em agricultura irrigada, a Feira Internacional da Irrigação Brasil 2018 (FIIB 2018) e o XXVII Congresso Nacional de Irrigação e Drenagem (CONIRD), realizados de 19 à 21 de setembro, no Centro de Convenções Expo Dom Pedro (Shopping Parque Dom Pedro), em Campinas (SP), encerraram com grande sucesso.

Segundo Denizart Vidigal, presidente da Comissão Organizadora da FIIB, a feira proporcionou diversos negócios e grande troca de conhecimentos sobre o setor de irrigação, reunindo os principais stakeholders em um único evento. "Temos certeza que a FIIB cumpriu o seu papel, como importante fórum da irrigação no Brasil, ao atrair os maiores players deste mercado", afirmou.

No local, o secretário de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, Francisco Sérgio Ferreira Jardim, declarou que a FIIB "é um evento importante e estratégico para o setor". Em seu discurso, ele enfatizou que "o Estado de São Paulo utiliza muito pouco o processo de irrigação ainda, com apenas ¼ da capacidade que possui", sendo necessária a discussão do tema como forma de estímulo para o setor, visando o seu desenvolvimento no estado e no país.

Além da presença de Jardim, o evento contou também com a participação de diversas outras autoridades do agronegócio nacional. Estiveram presentes: o presidente da Sociedade de Abastecimento de Água e Saneamento (Sanasa) Campinas, Arly de Lara Romeo; o presidente da Comissão Nacional de Irrigação da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), Eduardo Veras; o diretor geral do Instituto Agronômico de Campinas (IAC), Sérgio Augusto Morais Carbonell; o membro da Câmara Setorial de Equipamentos e Irrigação da Associação Brasileira da Industria de Maquinas e Equipamentos (Abimaq) e diretor plenário do Sindicato Nacional da Indústria de Máquinas, (Sindimaq), Antônio Alfredo Teixeira Mendes; o diretor de Agronegócios da Agência de Desenvolvimento do Estado do Ceará (Adece) e pesquisador voluntário do Instituto Inovagri, Silvio Carlos Ribeiro Vieira Lima; o ex-ministro da Agricultura, Alysson Paolinelli; o presidente da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), Maurício Antônio Lopes; a diretora executiva da Associação Sudoeste Paulista de Irrigantes e Plantio na Palha (Aspipp), Priscila Silvério Sleutjes; e o presidente da Associação Brasileira de Irrigação e Drenagem (Abid) e do Congresso Nacional de Irrigação e Drenagem (Conird), evento que ocorreu simultaneamente à FIIB 2018, Helvecio Mattana Saturnino.

Todos os anos, diversos profissionais, empresas, associações e instituições se reúnem na FIIB para discutir os principais assuntos ligados ao mercado de irrigação no país e ter acesso aos novos produtos, equipamentos e serviços destinados ao setor, gerando grande networking. Para acompanhar os preparativos e o anúncio da data oficial da FIIB 2019, além de conferir as repercussões do evento deste ano, acesse:  www.feiradeirrigacao.com.br

 


MyPress & Co.
imprensa@mypress.com.br
(19) 3304-4833
(19) 3304-6622

Jornalistas Responsáveis:
Daniela Mattiaso
daniela@mypress.com.br
(19) 9 8291-9444

Isabella Monteiro
isabella@mypress.com.br
(19) 9 7410-1620
 

_____________________________________________________________________

ALERTA TOTAL: Uma Opção de Futuro


Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Carlos Alberto dos Santos Cruz


Esta eleição é vital para o Brasil. Ela significa mais do que a escolha de um novo presidente. Significa o futuro do nosso país. A nossa liberdade e a nossa segurança, o nosso futuro depende de seu resultado. 


O bem-estar das nossas famílias, dos nossos filhos e netos, depende do nosso voto nos dias 07 e 28 de outubro de 2018.


Temos a oportunidade de derrotar, de maneira ordeira e pacífica, ideologias ditatoriais que iludem tantos brasileiros. Temos em nossas mãos os meios necessários para proteger a sociedade brasileira dos corruptos e aproveitadores que nos exploraram por tantos anos.


Estamos na reta final para as eleições. Por isso, alguns artistas e parte da mídia ideológica – ou comprada – orquestram manifestações políticas às vezes impressionantes. Muitos são pessoas e instituições usualmente beneficiados com altos valores de dinheiro público pela chamada lei Rouanet, entre outros artifícios. Um escândalo! Milhões de Reais do nosso dinheiro distribuídos sem qualquer finalidade social. Dinheiro para benefício pessoal direto. Dinheiro desviado da educação, da saúde, da habitação, da segurança e de outros serviços públicos.


É claro que os beneficiários não querem perder essa facilidade absurda e imoral. É por isso que buscam manter o povo iludido, escravizado por corruptos, enganado por ideólogos demagogos e velhas raposas políticas. Sempre consideraram o povo ignorante e manipulável, sujeito a seu projeto de “tomar o poder”.


Organizados em partidos com ideologias totalitárias, falam em democracia. Mentem sem escrúpulo e sem vergonha. Seu projeto sempre foi, e continua sendo, o de instaurar uma ditadura. Suas mentiras são elaboradas, bem disfarçadas pelos marketeiros para confundir a povo brasileiro. 


Para manter parcelas da população na ignorância, os adeptos de ideologias ditatoriais se juntam aos aproveitadores e aos corruptos. Com isso, pouco a pouco, destroem a sociedade e o Brasil. Para fazer prosperar seu projeto, querem que o pobre continue pobre, que os sem-terra se perpetuem à beira da estrada. O discurso é de emancipação e liberdade; a prática é a de manter o povo como massa de manobra, escravizado em sua luta cotidiana pela satisfação de suas necessidades básicas.


Para eles, os problemas não podem ser resolvidos. Exemplo disso é o programa bolsa-família. É preciso melhorar o programa, cortar as fraudes, evitar os aproveitadores. Cabe ajudar realmente somente a quem precisa, em vez de usar o programa para manter o povo na miséria, iludido, manipulado e chantageado, pronto a trocar seu voto, a cada eleição, pela esperança de um futuro melhor.


Auxiliar os necessitados é obrigação moral e legal. Esse vínculo de solidariedade é o que nos une como um povo, formando a nação brasileira. Tirar proveito desse sentimento para explorar os pobres como massa de manobra, mantendo-os sem terra, nos áridos sertões, no interior abandonado, nos perigos das periferias urbanas... Isso é canalhice.


Tentam confundir a população, manipular opiniões, distrair as opiniões para o que não é essencial no momento. Essa conversa sobre mulheres, homofobia, ideologia de gênero, etc, tudo isso é um circo armado, uma grande palhaçada para desviar o foco do que interessa. Os problemas centrais do Brasil de hoje são a IDEOLOGIA TOTALITÁRIA, a CORRUPÇÃO, o DESEMPREGO e a INSEGURANÇA.


As tentativas de tomar o poder acobertam ideologias inaceitáveis e políticos corruptos, que agem sem escrúpulos e sem limites. Se tomarem o poder, destruirão de vez o nosso país.


Um ex-ministro medíocre, um dos piores prefeitos que a cidade de São Paulo conheceu, se apresenta como solução para os problemas do Brasil. Sem personalidade própria, ainda em campanha age como um fantoche de um presidiário condenado por corrupção. Eleito, seria o instrumento de um ventríloquo, um desastre semelhante ao outro poste, que quase destruiu a economia brasileira. Responsável pelas cartilhas de conteúdo sexual, completamente impróprio para menores, tentou corroer os valores de nossa sociedade pela prostituição das crianças ainda na escola básica.
Para completar o quadro, outro criminoso contumaz, condenado famoso por corrupção e associação criminosa, conhecido meliante, aproveita sua injustificada liberdade para falar abertamente em tomada do poder no Brasil. Isso é mais do que falta de vergonha. É uma real ameaça ao país.


Não é isso o que queremos para o nosso futuro.


As escolas brasileiras devem ensinar o respeito a todos, sem preconceitos de cor, sexo, religião, nacionalidade ou opção profissional. Devem ensinar a importância do estudo e do trabalho, e o respeito aos mais velhos.


Devem convencer os estudantes a assumir responsabilidades, entendendo que, além de direitos, os cidadãos também têm deveres perante a sociedade. Devem ajudar as famílias a incutir nos jovens os valores de HONESTIDADE e integridade. Devem falar de patriotismo, da importância de cada um assumir sua parcela de responsabilidade pela construção de um futuro melhor. 


Mas isso não lhes interessa. Para eles, o que interessa é a destruição do tecido social. Essa é a base do seu projeto de poder ditatorial. Trata-se de um projeto criminoso. O crime organizado não é só a associação dos bandidos armados nas penitenciarias e nas comunidades pobres. Existe o crime organizado desarmado, constituído por grupos que querem continuar roubando o dinheiro público, numa associação de ideologia com banditismo. Seu colarinho branco não engana: ele é mais perigoso que o criminoso de sandália havaiana.


Pense nisso hoje. Pense nisso no próximo domingo. Não deixe de votar e não jogue fora seu voto. Não o anule. Não vote em branco. Não é hora de dispersar. É hora de união. O Brasil precisa dessa união. 


De um lado, estamos nós, nossas famílias, nossos filhos e netos, nossa democracia. Valores como respeito e honestidade, exemplos de trabalho duro para promover o desenvolvimento do Brasil. Esse lado é representado pelo candidato JAIR BOLSONARO. Do outro lado, o que existe é um verdadeiro “balaio de gatos” – ou de gatunos.


É hora de voto útil pelo Brasil, para derrotar as ideologias ditatoriais, as raposas aproveitadoras e os políticos corruptos.


Carlos Alberto dos Santos Cruz é General de Divisão, na reserva.

Arquivo do blog