A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT

A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT
AgroBrasil - @gricultura Brasileira Online
Ofereci meus ombros. Como escada ele subiu. Abri o caminho para ele passar. Na hora da porrada a cara era a minha. Fui seu irmão seu amigo e companheiro... Um dia encontrou comigo. Me deu um beijo. Virou as costas e partiu. Lembrei de Jesus e as 30 moedas"
Poema do mensaleiro João Paulo Cunha que revela a mágoa em relação ao ex-presidente LULArápio.
"Anos atrás recebi do então governador de Brasília Cristovam Buarque o ‘premio manuel bonfim’, atribuído ao meu livro "Chatô, o rei do Brasil". Já pedi à Marília para localizar a placa de prata. Vou devolver. de golpista não quero nada. Nem prêmio".

Escritor Petralha Fernando Morais

“Que pena que nossos gênios estejam tão obtusos. E tão viciados no aparelhamento. O PT corrompeu mais do que a política, corrompeu a inteligência e o caráter. E aos poucos vão mostrando que a volta da Dilma por mais dois anos, com essa gente, vai embrutecer o País e seguir se apropriando do Estado. Pior que não tem juiz Moro para este tipo de roubo: da inteligência e do caráter. Ele não falou em devolver os dez mil que recebeu do prêmio. Na época eram dez mil dólares. Nem o que ele fazia no governo do Quercia".

Senador Cristovam Buarque

terça-feira, outubro 05, 2004

CÂMARA DO FUMO SUGERE PLANO PARA RECONVERSÃO DE LAVOURAS

A Câmara Setorial da Cadeia Produtiva do Fumo do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento decidiu hoje (05/10), durante reunião na sede da Delegacia Federal da Agricultura, em Salvador (BA), encaminhar ao ministro Roberto Rodrigues uma proposta solicitando ao governo federal alternativas viáveis para a reconversão das lavouras de fumo por meio de experiências com outras culturas ao longo dos próximos dez anos.
A proposta surgiu durante uma audiência pública no último dia 11 de setembro, em Brasília, por iniciativa da própria Associação dos Fumicultores do Brasil (Afubra). O presidente da câmara e da Afubra, Hainsi Gralow, informa que oficializará um convite a parlamentares e autoridades para visitar as principais regiões produtoras de fumo, além de sugerir a realização de audiências públicas para discutir a reconversão nessas regiões.
Na reunião, a Convenção-Quadro para Controle do Tabaco, proposta pela Organização Mundial da Saúde (OMS), centralizou os debates. Pela primeira vez, a câmara realizou um encontro no Nordeste do país, região que abriga 30 mil famílias produtoras. Ficou decidida a inclusão da Afubra na Comissão Interministerial do governo federal que estuda a Convenção-Quadro.

Contrabando
As ações do grupo temático que analisa o mercado ilegal de cigarros no país também fez parte da pauta da reunião da Câmara Setorial do Fumo. O trabalho, segundo o coordenador Fabiano Pereira, consistiu em encontros com o Ministério do Trabalho para montagem de um acordo de cooperação com a Secretaria da Receita Federal e de uma ampla análise do setor cigarreiro do país.
Pereira explica que a medida tem como objetivo harmonizar as operações dos fiscais da Receita Federal, Polícia Federal e polícias estaduais no combate à fabricação de marcas falsificadas. Outra proposta do grupo visa as prefeituras municipais. Um vídeo e um folder estão sendo produzidos para orientar os novos prefeitos sobre as perdas tributárias que o mercado ilegal traz ao Erário. O material deve ser distribuído em fevereiro de 2005. Com o Ministério da Previdência, foi fechada questão sobre a verificação das empresas que atuam na ilegalidade.
Como passos futuros, diz Pereira, o grupo quer agendar encontros com a Receita Federal para pedir maior fiscalização dos fabricantes ilegais, e com a Polícia Federal e a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) para intensificar a fiscalização dos chamados ônibus “turismo”, que circulam na rota entre os estados do Rio Grande do Sul e São Paulo.


Fonte: MAPA

Nenhum comentário:

Arquivo do blog