A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT

A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT
AgroBrasil - @gricultura Brasileira Online
Ofereci meus ombros. Como escada ele subiu. Abri o caminho para ele passar. Na hora da porrada a cara era a minha. Fui seu irmão seu amigo e companheiro... Um dia encontrou comigo. Me deu um beijo. Virou as costas e partiu. Lembrei de Jesus e as 30 moedas"
Poema do mensaleiro João Paulo Cunha que revela a mágoa em relação ao ex-presidente LULArápio.
"Anos atrás recebi do então governador de Brasília Cristovam Buarque o ‘premio manuel bonfim’, atribuído ao meu livro "Chatô, o rei do Brasil". Já pedi à Marília para localizar a placa de prata. Vou devolver. de golpista não quero nada. Nem prêmio".

Escritor Petralha Fernando Morais

“Que pena que nossos gênios estejam tão obtusos. E tão viciados no aparelhamento. O PT corrompeu mais do que a política, corrompeu a inteligência e o caráter. E aos poucos vão mostrando que a volta da Dilma por mais dois anos, com essa gente, vai embrutecer o País e seguir se apropriando do Estado. Pior que não tem juiz Moro para este tipo de roubo: da inteligência e do caráter. Ele não falou em devolver os dez mil que recebeu do prêmio. Na época eram dez mil dólares. Nem o que ele fazia no governo do Quercia".

Senador Cristovam Buarque

+ LIDAS NA SEMANA

segunda-feira, maio 07, 2007

Cecafé vai premiar cafeicultor de destaque

Desta vez o prêmio não será apenas para o café de melhor qualidade, mas para o cafeicultor brasileiro que se destaca de forma inovadora na atividade. O Conselho dos Exportadores de Café do Brasil (Cecafé), com o apoio do Banco do Brasil S/A, inova ao instituir o prêmio “Cafeicultor Brasileiro Destaque”, como reconhecimento ao esforço do setor produtivo para o fortalecimento da cafeicultura nacional. O prazo para as inscrições se encerra no dia 15 de maio.
O objetivo é premiar o cafeicultor que, com o seu envolvimento e de sua família diretamente na condução da lavoura cafeeira, tenha se destacado como um empreendedor de sucesso, gerindo sua atividade com atenção aos interesses da comunidade e pautada por critérios de sustentabilidade tecnológica, econômica, ambiental, social e política. É o reconhecimento dos exportadores de café ao esforço dos cafeicultores brasileiros que buscam, incessantemente, conduzir suas atividades de forma sustentável e atenta às necessidades de agregar valor ao produto.

Seleção concorrida
A indicação de candidatos deve ser feita por instituições de pesquisa, de ensino e extensão rural; entidades representativas do setor agrícola, do comércio e da indústria do café; instituições integrantes do Conselho Deliberativo da Política Cafeeira (CDPC); cooperativas, sindicatos e associações de classe do agronegócio café.
Os critérios de escolha darão ênfase ao envolvimento direto do produtor indicado e de sua família no processo de condução da lavoura cafeeira, como gestores e executores das atividades de manejo, colheita e pós-colheita. Serão avaliados, entre outros princípios, as adequações do empreendimento às boas práticas agrícolas, respeito à legislação ambiental; cumprimento da legislação trabalhista e ações para assegurar a saúde, o bem-estar e o desenvolvimento econômico dos trabalhadores; estabilidade financeira e econômica da atividade; receptividade à inovação tecnológica e participação em atividades comunitárias.

Inscrição
A documentação de inscrição deverá conter a descrição do empreendimento rural, com destaque para inovação relevante. A justificativa deverá conter as razões que diferenciam o candidato (com resumo descritivo do Currículo Vitae), caracterização da atividade cafeeira e depoimentos de apoio à indicação, emitidos por instituições parceiras.
Os candidatos serão avaliados por uma comissão julgadora designada pela diretoria do Cecafé, por meio de voto secreto das representações do Cecafé, Banco do Brasil, Embrapa Café, CDPC, Confederação Nacional de Agricultura (CNA), Conselho Nacional do Café (CNC), Associação Brasileira da Indústria do Café (ABIC) e Associação Brasileira da Indústria do Café Solúvel (ABICS). A análise contará com o voto de um técnico vinculado à instituição de assistência técnica e extensão rural e de um jornalista especializado.
O cafeicultor selecionado receberá uma pela de arte simbólica ao prêmio “Cafeicultor Brasileiro Destaque”, um diploma de reconhecimento e uma importância em dinheiro, de R$ 35.000,00 (trinta e cinco mil reais). A entrega do Prêmio será realizada pela Diretoria do Cecafé, durante o 2º Fórum & Coffee Dinner, dia 30 de maio de 2007, em São Paulo (SP).

Para outras informações sobre o prêmio ““Cafeicultor Brasileiro Destaque”, acesse o site http://www.cecafe.com.br/premio

A indicação deve ser encaminhada ao CECAFÉ, para o seguinte endereço:
Conselho dos Exportadores de Café do Brasil – CeCafé
Prêmio Cafeicultor Brasileiro Destaque – 2007
Av. Nove de Julho, 4865 - Torre A - cj. 61, Chácara Itaim
01407-200 São Paulo, SP.
premio@cecafe.com.br

Cibele Aguiar
Embrapa Café
www.embrapa.br/cafe
cibele@sapc.embrapa.br

Nenhum comentário:

+ LIDAS NOS ÚLTIMOS 30 DIAS

Arquivo do blog