A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT

A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT
AgroBrasil - @gricultura Brasileira Online
Ofereci meus ombros. Como escada ele subiu. Abri o caminho para ele passar. Na hora da porrada a cara era a minha. Fui seu irmão seu amigo e companheiro... Um dia encontrou comigo. Me deu um beijo. Virou as costas e partiu. Lembrei de Jesus e as 30 moedas"
Poema do mensaleiro João Paulo Cunha que revela a mágoa em relação ao ex-presidente LULArápio.
"Anos atrás recebi do então governador de Brasília Cristovam Buarque o ‘premio manuel bonfim’, atribuído ao meu livro "Chatô, o rei do Brasil". Já pedi à Marília para localizar a placa de prata. Vou devolver. de golpista não quero nada. Nem prêmio".

Escritor Petralha Fernando Morais

“Que pena que nossos gênios estejam tão obtusos. E tão viciados no aparelhamento. O PT corrompeu mais do que a política, corrompeu a inteligência e o caráter. E aos poucos vão mostrando que a volta da Dilma por mais dois anos, com essa gente, vai embrutecer o País e seguir se apropriando do Estado. Pior que não tem juiz Moro para este tipo de roubo: da inteligência e do caráter. Ele não falou em devolver os dez mil que recebeu do prêmio. Na época eram dez mil dólares. Nem o que ele fazia no governo do Quercia".

Senador Cristovam Buarque

sexta-feira, julho 02, 2004

MAPA NEGOCIA RETOMADA DAS EXPORTAÇÕES DE CARNE PARA ARGENTINA

O chefe da Divisão de Assuntos Sanitários e Fitossanitários da Secretaria de Defesa Agropecuária do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Adauto Lima Rodrigues, viaja hoje (30/06) para Buenos Aires , onde reúne-se amanhã com o subsecretário de Economia e Agricultura da Argentina, Javier Orquisa, para discutir o levantamento do embargo às importações de carne bovina brasileira.
Rodrigues lembrou que o Departamento de Defesa Animal do MAPA remeteu, na semana passada, às autoridades argentinas, todas as informações sobre controle e procedimentos epidemiológicos tomados após a descoberta e confirmação do foco de febre aftosa no município paraense de Monte Alegre, situado à margem do rio Amazonas.
Os esforços do governo brasileiro para esclarecer o problema e demonstrar que não há risco para os importadores continuaram hoje com uma apresentação do diretor do Departamento de Defesa Animal (DDA), Jorge Caetano Júnior, no Comitê Veterinário Permanente do Cone Sul, em Montevidéu.
Na oportunidade, o diretor do DDA esclareceu as medidas sanitárias implementadas para evitar a disseminação da doença, bem como a localização do foco num estado fora da zona livre de aftosa e que, portanto, não exporta carne bovina.
Desfeitas as confusões, os técnicos do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento esperam o restabelecimento imediato do comércio de carne com a Argentina, a exemplo do que ocorreu com a Rússia, que hoje anunciou a retomada das compras de carne brasileira

Fonte: MAPA

Nenhum comentário:

+ LIDAS NOS ÚLTIMOS 30 DIAS

Arquivo do blog