A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT

A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT
AgroBrasil - @gricultura Brasileira Online
Ofereci meus ombros. Como escada ele subiu. Abri o caminho para ele passar. Na hora da porrada a cara era a minha. Fui seu irmão seu amigo e companheiro... Um dia encontrou comigo. Me deu um beijo. Virou as costas e partiu. Lembrei de Jesus e as 30 moedas"
Poema do mensaleiro João Paulo Cunha que revela a mágoa em relação ao ex-presidente LULArápio.
"Anos atrás recebi do então governador de Brasília Cristovam Buarque o ‘premio manuel bonfim’, atribuído ao meu livro "Chatô, o rei do Brasil". Já pedi à Marília para localizar a placa de prata. Vou devolver. de golpista não quero nada. Nem prêmio".

Escritor Petralha Fernando Morais

“Que pena que nossos gênios estejam tão obtusos. E tão viciados no aparelhamento. O PT corrompeu mais do que a política, corrompeu a inteligência e o caráter. E aos poucos vão mostrando que a volta da Dilma por mais dois anos, com essa gente, vai embrutecer o País e seguir se apropriando do Estado. Pior que não tem juiz Moro para este tipo de roubo: da inteligência e do caráter. Ele não falou em devolver os dez mil que recebeu do prêmio. Na época eram dez mil dólares. Nem o que ele fazia no governo do Quercia".

Senador Cristovam Buarque

+ LIDAS NA SEMANA

sexta-feira, maio 04, 2007

TECNOLÁCTEA & SORVETES MOVIMENTA US$ 65 MILHÕES EM NEGÓCIOS em 2007

TecnoLáctea & Sorvetes 2007 consolida integração do setor
Além de gerar negócios e reunir principais representantes da indústria, Feira apresentou tendências e novidade voltadas para a saúde

A 4a TecnoLáctea & Sorvetes - Feira Técnica Internacional de Produtos para a Indústria de Leite e Derivados reuniu cerca de 16,5 mil visitantes, gerando um valor aproximado de negócios de US$ 65 milhões. "O evento superou nossas expectativas e também de grande parte dos expositores", afirmou Maria Antonia Ferreira, diretora do Grupo Dipemar e organizadora da Feira. "Também pudemos confirmar a integração entre os setores de lácteos e de sorvetes, sendo que este segmento foi incorporado pela primeira vez nesta edição; assim, todos puderam multiplicar informações e negócios", observou.
Outro ponto elogiado foi a presença de um público focado e interessado, disposta a fazer negócio e em agregar qualidade ao produto final. A 4a TecnoLáctea & Sorvetes foi realizada em São Paulo, entre 24 e 26 de Abril, no Pavilhão Amarelo do Expo Center Norte. "Optamos em realizar o evento em um período apropriado para que fabricantes pudessem pesquisar e se preparar para oferecer novidades na época adequada, inclusive sorveteiros", explicou Maria Antonia.

ABIQ
O presidente da Associação Brasileira das indústrias de Queijo (ABIQ), Fábio Scarcelli, reafirmou a excelência da Feira. "Queijeiros de todo o Brasil visitaram o evento e reencontraram seus pares, o que propiciou uma intensa troca de idéias e a ampliação do network", expôs Scarcelli. "Além disso, todos os principais fabricantes e fornecedores de equipamentos estavam presentes, o que propiciou aos queijeiros ganho de tempo e melhores oportunidades: em duas horas de circulação na Feira o fabricante pôde avaliar opções, discutir e decidir pelo melhor para sua fabricação". O encontro dos representantes do segmento também gerou discussões a respeito de políticas econômicas que afetam o segmento.

ABIS
Segundo Eduardo Weisberg, presidente da Associação Brasileira das Indústrias de Sorvetes (ABIS), a Feira foi um sucesso. "Foi o primeiro evento realmente representativo da indústria de sorvetes no Brasil, e superou nossas previsões", relatou. Weisberg pôde apurar que empresas que ainda não forneciam para o segmento de sorvetes realizaram negócios concretos e ampliaram sua atuação. "Na TecnoLáctea & Sorvetes conseguimos apresentar vantagens para expositores - que prospectaram e apresentaram novidades - e para visitantes - que em pouco tempo e no mesmo espaço tiveram contato com os principais fornecedores."

Tendências
A partir das novidades apresentadas na feira, a principal tendência indica para que, em breve, o mercado deva receber alimentos à base de leite e também sorvetes voltados para cuidados com a saúde: substitutos de gordura e açúcares, alimentos funcionais, redutores de apetite, ingredientes naturais e/ou orgânicos, entre outros - todos visando a manutenção do bem estar, o controle do ganho de peso e, o principal, sem perder o sabor e a qualidade. Segundo depoimentos levantados entre os expositores, as indústrias brasileiras têm pesquisas bastante avançadas para oferecer ao consumidor produtos mais saudáveis, mas que provoquem sensações tão prazerosas quanto aqueles produzidos tradicionalmente.

Regina Antonelli
regina@raf.com.br
RAF Comunicação - Tel. (11) 5573-8916

Nenhum comentário:

+ LIDAS NOS ÚLTIMOS 30 DIAS

Arquivo do blog