A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT

A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT
AgroBrasil - @gricultura Brasileira Online
Ofereci meus ombros. Como escada ele subiu. Abri o caminho para ele passar. Na hora da porrada a cara era a minha. Fui seu irmão seu amigo e companheiro... Um dia encontrou comigo. Me deu um beijo. Virou as costas e partiu. Lembrei de Jesus e as 30 moedas"
Poema do mensaleiro João Paulo Cunha que revela a mágoa em relação ao ex-presidente LULArápio.
"Anos atrás recebi do então governador de Brasília Cristovam Buarque o ‘premio manuel bonfim’, atribuído ao meu livro "Chatô, o rei do Brasil". Já pedi à Marília para localizar a placa de prata. Vou devolver. de golpista não quero nada. Nem prêmio".

Escritor Petralha Fernando Morais

“Que pena que nossos gênios estejam tão obtusos. E tão viciados no aparelhamento. O PT corrompeu mais do que a política, corrompeu a inteligência e o caráter. E aos poucos vão mostrando que a volta da Dilma por mais dois anos, com essa gente, vai embrutecer o País e seguir se apropriando do Estado. Pior que não tem juiz Moro para este tipo de roubo: da inteligência e do caráter. Ele não falou em devolver os dez mil que recebeu do prêmio. Na época eram dez mil dólares. Nem o que ele fazia no governo do Quercia".

Senador Cristovam Buarque

+ LIDAS NA SEMANA

quarta-feira, outubro 01, 2014

UCHO HADDAD: Dilma não consegue enxergar a si mesma e afirma que a rival Marina Silva tem “desvio de caráter”



Por Ucho Haddad no Ucho.info

Jogo sujo – Deselegante, mal educada, truculenta, incompetente e mentirosa. Assim é a petista Dilma Rousseff, que embalada pelo desespero que sopra sobre sua campanha à reeleição começa a se valer da verborragia insana. Em ato de campanha no Rio de Janeiro, nesta terça-feira (30), Dilma decidiu elevar o tom das críticas a Marina Silva e afirmou que a presidenciável do PSB tem “desvio de caráter”. A grosseria teve como base o fato de Marina ter afirmado que votou a favor da criação da CPMF quando era senadora pelo PT, mas reportagem do jornal “O Globo” mostrou o contrário. Nada de estranho, pois os petistas são movidos pelo voto de cabresto, o que impede que o parlamentar tenha opinião própria.

Se na concepção de Dilma a mentira é prova de ausência de caráter, a presidente-candidata deveria procurar o psiquiatra mais próximo, pois sua devoção à mitomania é uma ode ao mau-caratismo.

Para não recuar demais no tempo e despejar sobre os leitores uma enxurrada de mentiras de Dilma Rousseff, o ucho.info decidiu ater-se apenas ao escândalo de corrupção que teve como palco a Petrobras e foi desbaratado pela Operação Lava-Jato, da Polícia Federal, que só foi possível pela coragem e determinação do empresário Hermes Magnus e do editor do site.

Em recente entrevista, Dilma disse que não sabia das transgressões cometidas por Paulo Roberto Costa, ex-diretor de Abastecimento da estatal e preso pela Polícia Federal. Além disso, a presidente da República disse, sem qualquer rubor facial, que não tinha qualquer intimidade com Costa. O apego da presidente à mentira é tão majestoso, que Paulo Roberto Costa foi um dos seletos convidados para o casamento de Paula Araújo, filha de Dilma com o ex-deputado Carlos Araújo, em Porto Alegre. Se convidar alguém para o casamento de um filho não for excesso de intimidade, que Dilma explique aos leitores o que é.

A candidata petista pode continuar alegando não ter qualquer intimidade com Paulo Roberto Costa, mas o caixa de sua campanha à Presidência, em 2010, recebeu R$ 2 milhões do esquema capitaneado pelo ex-diretor da Petrobras e operado pelo doleiro Alberto Youssef, também preso na esteira da Operação Lava-Jato. Se pedir polpuda contribuição para campanha eleitoral não é excesso de intimidade, que Dilma explique aos leitores do ucho.info o que é.

Dilma disse que desconhecia as atividades ilegais de Paulo Roberto Costa, mas contou com o ex-diretor da petroleira para colocar em marcha o processo de expropriação da Petroquímica Triunfo, entregando o monopólio do setor petroquímico ao grupo Odebrecht. A operação criminosa e covarde avançou porque Lula e Dilma assim decidiram, pois o grupo Odebrecht sempre deu as cartas nos governos do PT.

Dilma mente aos brasileiros sobre a crise econômica, chegando ao absurdo de afirmar que a inflação está próxima de zero. A inflação oficial está acima do teto da meta (6,5%) fixado pelo governo, enquanto que a real, aquela que assusta diariamente os brasileiros, já deixou para trás o patamar de 20% ao ano. Os números oficiais sobre a economia nacional mostram a dura realidade que emoldura o País, mas Dilma insiste em mostrar que tem desvio de caráter, pois mentir é sua especialidade maior.

Certa feita, o genial e polêmico Nelson Rodrigues vociferou: “Muitas vezes é a falta de caráter que decide uma partida. Não se faz literatura, política e futebol com bons sentimentos…”. Dilma, possivelmente, está seguindo a prece de Nelson Rodrigues, o que faz com destreza e intimidade porque “mau-caratismo” não lhe falta. Até porque, quando o discípulo supera o mestre deixa de ser bom negócio dependendo da especialidade de ambos. Em tempo: Joseph Goebbels, chefe da propaganda nazista e mentiroso inveterado, não sofria de desvio de caráter, pois jamais soube o que era tê-lo.

Nenhum comentário:

+ LIDAS NOS ÚLTIMOS 30 DIAS

Arquivo do blog