A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT

A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT
AgroBrasil - @gricultura Brasileira Online
Ofereci meus ombros. Como escada ele subiu. Abri o caminho para ele passar. Na hora da porrada a cara era a minha. Fui seu irmão seu amigo e companheiro... Um dia encontrou comigo. Me deu um beijo. Virou as costas e partiu. Lembrei de Jesus e as 30 moedas"
Poema do mensaleiro João Paulo Cunha que revela a mágoa em relação ao ex-presidente LULArápio.
"Anos atrás recebi do então governador de Brasília Cristovam Buarque o ‘premio manuel bonfim’, atribuído ao meu livro "Chatô, o rei do Brasil". Já pedi à Marília para localizar a placa de prata. Vou devolver. de golpista não quero nada. Nem prêmio".

Escritor Petralha Fernando Morais

“Que pena que nossos gênios estejam tão obtusos. E tão viciados no aparelhamento. O PT corrompeu mais do que a política, corrompeu a inteligência e o caráter. E aos poucos vão mostrando que a volta da Dilma por mais dois anos, com essa gente, vai embrutecer o País e seguir se apropriando do Estado. Pior que não tem juiz Moro para este tipo de roubo: da inteligência e do caráter. Ele não falou em devolver os dez mil que recebeu do prêmio. Na época eram dez mil dólares. Nem o que ele fazia no governo do Quercia".

Senador Cristovam Buarque

+ LIDAS NA SEMANA

terça-feira, abril 01, 2014

CAFÉ: Saint Petesburgh (EUA) sedia primeira etapa do Projeto Formula Indy

Saint Petesburgh (EUA) sedia primeira etapa do Projeto Formula Indy

- Associado da BSCA levou encartes explicativos sobre cafés especiais brasileiros e serviu a bebida para os presentes

O Projeto Formula Indy 2014 teve início nos dias 29 e 30 de março, durante a primeira corrida da temporada, realizada em Saint Petesburgh, na Flórida (EUA). O programa é uma plataforma de promoção de negócios e imagem de produtos e serviços brasileiros coordenado pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), que investe na visibilidade do evento para promover encontros entre representantes de empresas nacionais e estrangeiras.

Na etapa de Saint Petesburgh, o projeto teve a participação de dez indústrias brasileiras e 27 internacionais, que representaram os setores de alimentos e bebidas, máquinas e equipamentos, casa e construção, tecnologia e saúde. De acordo com informações disponibilizadas pela Apex-Brasil, um total de 70 convidados marcaram presença no evento.

A Associação Brasileira de Cafés Especiais (BSCA) é a parceira do setor café nesse projeto. Na primeira etapa, através da participação da empresa associada Ally Brazilian Coffee Merchants, a entidade apresentou encartes explicativos sobre as características dos cafés especiais brasileiros, enviou exemplares do produto e o barista Jed Baxter, da Ally, serviu a bebida aos presentes no espaço oferecido pela Apex-Brasil.

“Entendemos essa iniciativa como uma excelente plataforma para a divulgação dos cafés brasileiros. Sabemos que estamos aquém de concorrentes como a Colômbia nesse aspecto e que a imagem do produto especial do Brasil ainda é muito nova no exterior, portanto precisamos explorar essa oportunidade que a Apex-Brasil proporciona através de sua visão sobre como divulgar e promover os produtos nacionais”, comentou André Santos, coffee trader da Ally, que participou do evento.

Segundo ele, a participação no Projeto Formula Indy, assim como no Projeto PGA (golfe) e no Projeto PBR (rodeio), são possibilidades interessantes para a divulgação dos cafés especiais do Brasil nos Estados Unidos, o maior consumidor mundial. “Essa plataforma permite o ingresso do produto brasileiro em todas as classes sociais e em todas as faixas etárias norte-americanas. Sem dúvida o trabalho da Apex-Brasil é excelente nesse sentido e temos que aproveitá-lo para difundir cada vez mais o café brasileiro”, completa.

Na temporada 2013, o Projeto Fórmula Indy realizou mais de US$ 709 milhões em negócios para o Brasil.

SOBRE A ALLY BRAZILIAN COFFEE MERCHANTS
Associada à BSCA, a Ally é uma importadora de cafés, sediada nos Estados Unidos, do grupo Monsanto Tavares Participações e Empreendimentos S.A., que atua nas áreas de café e mogno, dentro e fora do Brasil. No ano passado, em parceria com a Itochu Corporation, o grupo fundou a Cafebras, exportadora especializada em cafés especais. No Brasil, são proprietários do Grupo Sequoia, que possui fazendas cafeeiras na Bahia e no Triângulo e no Norte de Minas Gerais.


BSCA – Assessoria de Comunicação


+ LIDAS NOS ÚLTIMOS 30 DIAS

Arquivo do blog