A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT

A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT
AgroBrasil - @gricultura Brasileira Online
Ofereci meus ombros. Como escada ele subiu. Abri o caminho para ele passar. Na hora da porrada a cara era a minha. Fui seu irmão seu amigo e companheiro... Um dia encontrou comigo. Me deu um beijo. Virou as costas e partiu. Lembrei de Jesus e as 30 moedas"
Poema do mensaleiro João Paulo Cunha que revela a mágoa em relação ao ex-presidente LULArápio.
"Anos atrás recebi do então governador de Brasília Cristovam Buarque o ‘premio manuel bonfim’, atribuído ao meu livro "Chatô, o rei do Brasil". Já pedi à Marília para localizar a placa de prata. Vou devolver. de golpista não quero nada. Nem prêmio".

Escritor Petralha Fernando Morais

“Que pena que nossos gênios estejam tão obtusos. E tão viciados no aparelhamento. O PT corrompeu mais do que a política, corrompeu a inteligência e o caráter. E aos poucos vão mostrando que a volta da Dilma por mais dois anos, com essa gente, vai embrutecer o País e seguir se apropriando do Estado. Pior que não tem juiz Moro para este tipo de roubo: da inteligência e do caráter. Ele não falou em devolver os dez mil que recebeu do prêmio. Na época eram dez mil dólares. Nem o que ele fazia no governo do Quercia".

Senador Cristovam Buarque

+ LIDAS NA SEMANA

terça-feira, julho 20, 2004

Fenaca lança selo de qualidade da cachaça

Um dos destaques da Brasil Cachaça 2004 será o lançamento do selo da Cachaça de Qualidade Produzida em Região Demarcada - CQPRD. O programa é conduzido pela Fenaca (Federação Nacional das Associações dos Produtores de Cachaça de Alambique) e atestará a qualidade da bebida conforme as características das regiões produtoras. A meta é lançar 20 milhões de garrafas com o selo até o final de 2005, quando deverá estar operacionalizado.
A Fenaca está formando equipes de análise sensorial nos estados e irá submeter as bebidas a análises químicas, realizadas por laboratórios credenciados. O programa está sendo desenvolvido dentro dos padrões e normas técnicas dos órgãos federais responsáveis (Mapa, Embrapa e Inmetro). Para o diretor executivo da Fenaca, Murilo Albernaz, “o selo atestará qualidade da cachaça e será um importante diferencial para o consumidor identificar as melhores cachaças brasileiras”. Estima-se que o Brasil produza 4 mil marcas diferentes.
A segunda edição da Brasil Cachaça, realizada de 22 a 25 de julho, no Anhembi, vai apresentar 400 marcas produzidas em 18 estados. A expectativa dos organizadores é gerar R$ 12 milhões em novos negócios e receber um público superior a 25 mil pessoas nos quatro dias do evento.

Serviço:

Brasil Cachaça 2004
Data: 22 a 25 de julho de 2004
Local: Parque de Exposições Anhembi – São Paulo
Horário:
Quinta e sexta: 14h às 22h
Sábado e domingo: 13h às 22h
Ingresso: R$ 20,00
Confira o site: www.feirabrasilcachaca.com.br
Organização e comercialização: Tools Eventos - (11) 3167.4181

Ex-Libris Comunicação Integrada
Assessoria de Imprensa da Brasil Cachaça 2004
11 3283.4631, 3266.6088 e 3266.9125
Av. Paulista, 509 / 602 - São Paulo/SP - 01311-000

Nenhum comentário:

+ LIDAS NOS ÚLTIMOS 30 DIAS

Arquivo do blog