A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT

A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT
AgroBrasil - @gricultura Brasileira Online
Ofereci meus ombros. Como escada ele subiu. Abri o caminho para ele passar. Na hora da porrada a cara era a minha. Fui seu irmão seu amigo e companheiro... Um dia encontrou comigo. Me deu um beijo. Virou as costas e partiu. Lembrei de Jesus e as 30 moedas"
Poema do mensaleiro João Paulo Cunha que revela a mágoa em relação ao ex-presidente LULArápio.
"Anos atrás recebi do então governador de Brasília Cristovam Buarque o ‘premio manuel bonfim’, atribuído ao meu livro "Chatô, o rei do Brasil". Já pedi à Marília para localizar a placa de prata. Vou devolver. de golpista não quero nada. Nem prêmio".

Escritor Petralha Fernando Morais

“Que pena que nossos gênios estejam tão obtusos. E tão viciados no aparelhamento. O PT corrompeu mais do que a política, corrompeu a inteligência e o caráter. E aos poucos vão mostrando que a volta da Dilma por mais dois anos, com essa gente, vai embrutecer o País e seguir se apropriando do Estado. Pior que não tem juiz Moro para este tipo de roubo: da inteligência e do caráter. Ele não falou em devolver os dez mil que recebeu do prêmio. Na época eram dez mil dólares. Nem o que ele fazia no governo do Quercia".

Senador Cristovam Buarque

+ LIDAS NA SEMANA

quarta-feira, julho 23, 2014

DOUGLAS DURAN: Entenda como o LULA pretende ser um FIDEL CASTRO BRASILEIRO



Talvez nem todos os eleitores conheçam o jurista Ives Gandra. ele foi recentemente ao programa do Jô Soares denunciar o “golpe de estado” pretendido pelo PT, Lula e seus companheiros, com o Decreto Lei 8.243. Ives Gandra é a maior autoridade do Brasil na sua área de atuação e um grande defensor da democracia. No jornal “O Estado de São Paulo” de hoje (22 de julho de 2014), ele volta a explicar o que está por trás deste de decreto. Eu li com atenção e é mesmo algo muito perigoso. Mostra com clareza (o editorial) como este governo joga sujo. Mesmo perdendo a reeleição – fato já quase certo no segundo turno – o Lula vê neste Decreto a possibilidade de continuar exercendo um poder (paralelo) que em muito pouco tempo, fará do Brasil um país parecido com a Venezuela, Equador, Bolívia, e num período subseqüente, uma cópia fiel de Cuba.

Não é a toa esta visível adoração à Fidel Castro. O Lula perdeu o senso de responsabilidade com o povo brasileiro e tudo fará para atingir este seu objetivo de comandar o Brasil, como um ditador. A Dilma, é um mero boneco, que, ao se submeter às ordens do “Lula messiânico”, irresponsável e, sem qualquer compromisso com a nossa democracia, também se transforma numa “inimiga do povo brasileiro” e por isso merece ser varrida do cargo de presidente já no primeiro turno.

Se você está nesta parte do meu post, eu lhe peço que compartilhe com seus amigos, porque, embora a derrota da Dilma seja líquida e certa, é inadmissível que ainda e existam brasileiros ( pouco mais de 30%) que vêem neste governo uma “boa” intenção em resolver os nossos problemas. Este governo quer garantir o desejo do LULA de virar um Fidel Castro do Brasil.

Vamos – numa linguagem simples – explicar as consequências do Decreto Lei 8.243.

- Um país democrático tem 3 poderes: executivo (onde fica o presidente), Legislativo (onde ficam os representantes do povo brasileiro) e o Judiciário (onde ficam nossos defensores);

- Este decreto 8.243, tem como objetivo tornar o “Poder Executivo” o único poder, reduzindo o Congresso Nacional numa figura decorativa;

- Quanto ao Judiciário, eles irão aos poucos, transformando-o num órgão que não terá mais a isenção para defender nossos direitos expressos na Constituição Brasileira. Até porque, a nossa Constituição seria “rasgada” e reescrita para atender aos desejos de nosso Fidel Castro brasileiro.

Este Decreto Lei tem de forma muito clara a intenção de substituir a “democracia das urnas” por uma outra dirigida pelo Poder Executivo, que teria a obrigação de atender à decisão deste monstro chamado “Conselho da Comunicação Social”.

Se você ainda não se deu conta, o Decreto Lei 8.243 institui a criação de “Conselhos” que deveriam representar o desejo da população. Com o perdão da palavra, mas se tem algum IDIOTA, que acredita que nestes “Conselhos” terão representantes do povo é porque vive em outro planeta que não é a Terra.

Vou dar alguns exemplos de como o Brasil seria governado com base no Decreto Lei 8.243:

a) Se o Conselho de Comunicação Social entender que deve haver controle da mídia, por exemplo, o Poder Executivo (onde fica o presidente do Brasil) prazerosamente, entenderá que é a vontade dos representantes da sociedade civil organizada e poderá ser decretado o fim da imprensa livre;

b) Se houver o entendimento que uma determinada empresa deva, doravante, ser pertencida pelo governo, não tem perdão, toma-se do empresário e paga-se quando puder;

c) Se houver o desejo de centralizar todas as “polícias” estaduais e municipais, basta uma assinatura do presidente.

Vou resumir tudo isso a 2 cenários:

1. Dilma reeleita – o que parece ser improvável pela insatisfação do povo brasileiro – governará este pais para atender o objetivos de Lula. Nunca mais teremos decisões para consertar este tempo perdido (12 anos deste governo). Será o fim da democracia, porque fatalmente, este Conselho de Comunicação Social fará o que for necessário para que em 2018, Lula, através do voto destes Conselhos, se torne o Presidente Eterno do Brasil;

2. Bom, temos a hipótese (hipótese não, a obrigação de botar para fora Dilma e reeleger um novo presidente) de elegermos um presidente que respeite a democracia e que com uma equipe de profissionais competentes, comece a corrigir “a herança maldita” deixada pelo PT ao longo de 12 anos.

Quanto ao Poder Legislativo (onde se encontram nossos representantes: deputados e senadores) não tem conversa: tratem de encontrar um jeito de colocar no LIXO o Decreto Lei 8.243, porque vocês serão varridos do mapa junto com os “direitos” do povo brasileiro.

Quanto ao PMDB, que quando nasceu como partido, tinha como missão proteger nossa democracia, eu só posso dizer que é uma vergonha vê-los “protegendo” o governo do PT. Prevejo o fim da carreira política de políticos do PMDB que estivereem subindo em palanque regional do PT. Se Dilma se reeleger (insisto: hipótese improvável, porque o povo acordou!), você, político do PMDB, irá se transformar num ser sem qualquer importância num regime ditatorial. Na hipótese mais provável (na minha crença), a eleição de um Presidente Democrático, você, político do PMDB , que ainda está dando apoio ao “golpe de estado” do Lula, saiba que subirá num palanque pela última vez na vida. O povo não é mais bobo e voto você não terá mais no futuro, por ter traído também nossa democracia.

Tenho vergonha de Lula, Dilma, PMDB, partidos nanicos, petistas fanáticos e tantos outros que “mamam nas tetas do governo”.

Vocês não têm o direito de trair 200 milhões de brasileiros!

Nenhum comentário:

+ LIDAS NOS ÚLTIMOS 30 DIAS

Arquivo do blog