A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT

A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT
AgroBrasil - @gricultura Brasileira Online
Ofereci meus ombros. Como escada ele subiu. Abri o caminho para ele passar. Na hora da porrada a cara era a minha. Fui seu irmão seu amigo e companheiro... Um dia encontrou comigo. Me deu um beijo. Virou as costas e partiu. Lembrei de Jesus e as 30 moedas"
Poema do mensaleiro João Paulo Cunha que revela a mágoa em relação ao ex-presidente LULArápio.
"Anos atrás recebi do então governador de Brasília Cristovam Buarque o ‘premio manuel bonfim’, atribuído ao meu livro "Chatô, o rei do Brasil". Já pedi à Marília para localizar a placa de prata. Vou devolver. de golpista não quero nada. Nem prêmio".

Escritor Petralha Fernando Morais

“Que pena que nossos gênios estejam tão obtusos. E tão viciados no aparelhamento. O PT corrompeu mais do que a política, corrompeu a inteligência e o caráter. E aos poucos vão mostrando que a volta da Dilma por mais dois anos, com essa gente, vai embrutecer o País e seguir se apropriando do Estado. Pior que não tem juiz Moro para este tipo de roubo: da inteligência e do caráter. Ele não falou em devolver os dez mil que recebeu do prêmio. Na época eram dez mil dólares. Nem o que ele fazia no governo do Quercia".

Senador Cristovam Buarque

segunda-feira, maio 14, 2007

ABERTAS AS INSCRIÇÕES PARA O 2º PRÊMIO EMATER-MG DE CRIATIVIDADE RURAL



O presidente da Emater-MG, José Silva, discursa durante o lançamento do Prêmio (Foto: Alexandre Souza Soares)


A Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais lançou nesta segunda-feira (14 de maio) o 2º Prêmio Emater-MG de Criatividade Rural. O regulamento completo e as fichas de inscrição já estão disponíveis no site www.emater.mg.gov.br. A inscrição pode ser feita, gratuitamente, até 21 de agosto.
O concurso é dirigido a agricultores e pecuaristas do estado de Minas Gerais, que tenham projetos assistidos por extensionistas de instituições públicas ou privadas. Cada agricultor ou pecuarista participante poderá concorrer com apenas um projeto, sob a assistência de somente um responsável técnico cadastrado.
O projeto inscrito deverá informar o nome do técnico responsável pela assistência técnica e a instituição à qual o mesmo está vinculado. Diferente da primeira edição, quando foram premiados os três primeiros lugares, o concurso deste ano premiará os cinco melhores projetos, com prêmios para o produtor e o técnico responsável. Segundo o coordenador do Prêmio, o coordenador estadual de Culturas da Emater-MG Waldyr Pascoal Filho, a proposta é identificar e divulgar idéias inovadoras com impactos positivos no campo social, econômico, cultural e ambiental. "A expectativa é triplicar o número de projetos inscritos em 2006, que foi de 43", afirmou.
O lançamento do concurso aconteceu em solenidade realizada no auditório da unidade central da Emater-MG, em Belo Horizonte, que contou com as presenças do presidente da Emater-MG, José Silva Soares, do diretor técnico José Ricardo Ramos Roseno, do superintendente do Banco do Brasil em Minas Gerais, Amauri Sebastião Niehues, e de representantes da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais (Faemg) e da Federação dos Trabalhadores Rurais de Minas Gerais (Fetaemg).
Para o presidente da Emater-MG, José Silva Soares, o objetivo da iniciativa é divulgar o conhecimento construído pelos próprios agricultores. "Com isso estimulamos os agricultores e eles motivam outros. Queremos mostrar que inovação pode ser algo simples. Às vezes a maneira de fechar uma porteira, fazer o preparo da alimentação do gado é muito criativa e pode ser feita utilizando materiais da própria propriedade do agricultor", argumentou.
O superintendente do Banco do Brasil, instituição patrocionadora do evento, Amauri Sebastião Niehues, também fez coro às palavras do presidente da Emater-MG. "A idéia é mostrar que as coisas aparentemente pequenas têm efeitos grandes", concordou.
A premiação também será na Capital mineira, em evento a ser realizado no dia 24 de setembro de 2007, após avaliação dos trabalhos por uma comissão julgadora, composta de representante da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), à qual a Emater-MG é vinculada, e de representantes do Banco do Brasil, IMA, Epamig, Ruralminas, Faemg, Fetaemg e de órgãos de imprensa.
Em 2006, foram premiados os projetos: Armadilha para Controle da Mosca-dos-chifres (1º lugar), do produtor José Alves de Lima, do município de Carneirinho, no Triângulo Mineiro; Taquara Chinesa (2º lugar), para produção de mudas de morango sem contato com o solo, de Luiz Gabriel Borges, da cidade de Estiva, no Sul; e Espeto de Bambu para Churrasco, do produtor de Uberlândia Vonge da Silva.

Os prêmios da edição 2007 do concurso são os seguintes:

1° Lugar - Produtor: um computador completo + impressora, uma TV a cores 29 polegas tela plana; um DVD; técnico responsável: um notebook;

2° Lugar - Produtor: uma TV a cores 29 polegadas tela plana, um DVD, um refrigerador; técnico responsável: um computador completo;

3º Lugar - Produtor: uma TV a cores 29 polegadas tela plana, um DVD; técnico responsável: um palmtop;


4º Lugar - Produtor: uma TV a cores 29 polegadas tela plana; técnico responsável: um palmtop;


5º Lugar - Produtor: um refrigerador; t

Técnico responsável: uma câmera fotográfica digital.

Mais informações:

Terezinha Leite
Ascom/Emater-MG
(31) 3349-8021 / 3349-8096

Nenhum comentário:

+ LIDAS NOS ÚLTIMOS 30 DIAS

Arquivo do blog