A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT

A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT
AgroBrasil - @gricultura Brasileira Online
Ofereci meus ombros. Como escada ele subiu. Abri o caminho para ele passar. Na hora da porrada a cara era a minha. Fui seu irmão seu amigo e companheiro... Um dia encontrou comigo. Me deu um beijo. Virou as costas e partiu. Lembrei de Jesus e as 30 moedas"
Poema do mensaleiro João Paulo Cunha que revela a mágoa em relação ao ex-presidente LULArápio.
"Anos atrás recebi do então governador de Brasília Cristovam Buarque o ‘premio manuel bonfim’, atribuído ao meu livro "Chatô, o rei do Brasil". Já pedi à Marília para localizar a placa de prata. Vou devolver. de golpista não quero nada. Nem prêmio".

Escritor Petralha Fernando Morais

“Que pena que nossos gênios estejam tão obtusos. E tão viciados no aparelhamento. O PT corrompeu mais do que a política, corrompeu a inteligência e o caráter. E aos poucos vão mostrando que a volta da Dilma por mais dois anos, com essa gente, vai embrutecer o País e seguir se apropriando do Estado. Pior que não tem juiz Moro para este tipo de roubo: da inteligência e do caráter. Ele não falou em devolver os dez mil que recebeu do prêmio. Na época eram dez mil dólares. Nem o que ele fazia no governo do Quercia".

Senador Cristovam Buarque

+ LIDAS NA SEMANA

quinta-feira, fevereiro 26, 2015

Estamos em guerra? Desesperado com a mobilização popular, que cresce a cada dia, Lula já convocou MST.



A mentira vergonhosa divulgada pelo Jornal Nacional foi uma mostra de que os governantes desse país continuam usando as mesmas práticas que usavam quando tentaram impor o comunismo no Brasil, há 30 anos. O Jornal de maior audiência no país foi vítima de falsa informação e acabou, ingenuamente, divulgando que houve acordo para fim da greve dos caminhoneiros em todo o Brasil. lembramos aqui que os profissionais lutam pela redução dos preços do combustível e um reajuste nos preços pagos pelo frete. Os caminhoneiros negam que houve qualquer acordo e resolveram endurecer sua manifestação a partir dessa quinta-feira.

Por sua vez, o ex-presidente Lula, que esteve no Rio em evento para proteger o principal “ganha pão” de seu partido – a Petrobrás – de forma irresponsável, convoca a esquerda para uma guerra civil. O tom de Lula foi dúbio, ao mesmo tempo em que convoca seu exército, faz uma ameaça contra aqueles que pretendem ir para as ruas daqui há duas semanas em várias capitais do país. Luiz Inácio de forma descarada usa o MST como arma de dissuasão. 

Veja parte do discurso de Lula: ”Quero paz e democracia, mas também sabemos brigar. Sobretudo quando o Stedile colocar o exército dele nas ruas.”

Esse tipo de discurso é irresponsável e golpista. Assim como Maduro, mesmo no governo, tenta dar um golpe na democracia, eliminando opositores – como fez com o prefeito de Caracas – a esquerda tem tentado deslegitimar qualquer oposição.

Se o caos for criado e houver embate nas próximas manifestações o governo pode usar isso como artifício para criar normas que limitem o direito da sociedade ir às ruas manifestar sua indignação. O que tende a gerar um efeito inverso, aumentando ainda mais a massa de insatisfeitos. O desenrolar dos acontecimentos pode, rapidamente, atirar o Brasil em uma situação similar a da Venezuela.

Nenhum comentário:

+ LIDAS NOS ÚLTIMOS 30 DIAS

Arquivo do blog