A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT

A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT
AgroBrasil - @gricultura Brasileira Online
Ofereci meus ombros. Como escada ele subiu. Abri o caminho para ele passar. Na hora da porrada a cara era a minha. Fui seu irmão seu amigo e companheiro... Um dia encontrou comigo. Me deu um beijo. Virou as costas e partiu. Lembrei de Jesus e as 30 moedas"
Poema do mensaleiro João Paulo Cunha que revela a mágoa em relação ao ex-presidente LULArápio.
"Anos atrás recebi do então governador de Brasília Cristovam Buarque o ‘premio manuel bonfim’, atribuído ao meu livro "Chatô, o rei do Brasil". Já pedi à Marília para localizar a placa de prata. Vou devolver. de golpista não quero nada. Nem prêmio".

Escritor Petralha Fernando Morais

“Que pena que nossos gênios estejam tão obtusos. E tão viciados no aparelhamento. O PT corrompeu mais do que a política, corrompeu a inteligência e o caráter. E aos poucos vão mostrando que a volta da Dilma por mais dois anos, com essa gente, vai embrutecer o País e seguir se apropriando do Estado. Pior que não tem juiz Moro para este tipo de roubo: da inteligência e do caráter. Ele não falou em devolver os dez mil que recebeu do prêmio. Na época eram dez mil dólares. Nem o que ele fazia no governo do Quercia".

Senador Cristovam Buarque

+ LIDAS NA SEMANA

segunda-feira, dezembro 08, 2014

Ossami Sakamori: Lula e Dilma comandam facção criminosa!



Estamos no mato sem cachorro. Não adianta convocar os militares para tirar Dilma do poder. É trocar seis por meia dúzia. O problema do país não está na opção do regime do governo, nem tão pouco é problema de ideologia. 


Não vamos desperdiçar a democracia que recuperamos depois de 20 anos de regime militar. Ouço muito o chamamento dos militares para intervenção no Poder Executivo por período determinado. Em 1964, o Exército tomou o poder com desculpa de eliminar a possibilidade de implantação do regime comunista no país. Deu no que deu, o que era para ser provisório, mas acabou ficando no poder por 20 anos! 


Só quem nasceu antes de 1950 é que viveu os anos negros do regime militar. Foi em 1968 é que foi editado o Ato Institucional número 5, um verdadeiro estado de sítio, onde os civis não tinha direito nem sequer às reuniões. Alguns dos que àquela época lutaram contra o regime militar estão no poder. Estão no poder, os ex-terroristas, não para implantar o regime comunistas como muitos creem. Estão no poder para se beneficiarem do esquema de corrupção.


Para o Lula e Dilma, não interessa o regime comunista. Interessa para eles, manterem-se no poder. Os programas sociais Bolsa Miséria tem apenas o objetivo de manterem-se no poder. Se esse bando de gente quisesse implantar o comunismo, a primeira coisa que eles fariam seria cortar o lucro dos banqueiros. Mas, não o fazem. Pelo contrário, os banqueiros nunca ganharam tanto dinheiro no regime do PT, Lula e Dilma.


Lula e Dilma aparelharam os poderes da República, o Executivo, Legislativo e Judiciário, para manterem-se no poder. Esse bando de gente querem permanecer no poder, não como Olavo Carvalho quer dizer, para consolidar a ideia do Foro de São Paulo. O buraco é outro! Olavo de Carvalho presta desserviço à pátria, desviando o foco da discussão. Foro de São Paulo é apenas pano de fundo para distrair a população. Foro de São Paulo não é o objetivo do Lula e Dilma, muito menos do PT.


O objetivo do Lula, Dilma e PT, é permanecer no poder para saquear os cofres públicos. Essa turma, chefiados pelo Lula e a presidente Dilma não passam de bando de arrombadores de cofres públicos. De comunistas não tem nada! Seria demais achar que eles vão implantar o comunismo no Brasil em defesa de ideologia. No regime comunista, o povo trabalha para sustentar a cúpula, ao contrário do suposto "regime comunista" do Lula e Dilma que criam um bando de vagabundos que dependem do dinheiro do contribuinte, com única finalidade de criar um verdadeiro curral eleitoral. Isto não é regime comunista, nem na China!


Lula, Dilma e PT, não passam de bando de marginais e assaltantes de cofres públicos, tal qual "facção criminosa" dos morros da cidade de Rio de Janeiro, que vivem de tráfico de drogas. Esses bando de marginais que se instalou nos poderes da República, não são diferentes da "facção criminosa" das favelas. Essa facção criminosa explora o contribuinte para engordarem os bolsos próprios.


A facção criminosa comandada pelo Lula, Dilma e parlamentares do PT, querem se perpetuar no poder não para implantar o comunismo no país. Cada um desses que estão disseminados nos três poderes da República, não estão preocupados com os pobres ou miseráveis. A facção criminosa estão distribuindo benesses aos pobres miseráveis com o dinheiro do contribuinte apenas para permanecerem no poder com intenção de se enriquecerem. Nada mais claro do que o "mensalão", "petrolão" e "compra de votos dos parlamentares na votação do PNL 36", para mostrar que o objetivo não é atender o povo, mas sim continuar assaltando o bolso do contribuinte.


Se o Lula, Dilma e PT quisessem implantar o comunismo no país, não pagaria aos banqueiros e agiotas internacionais os juros mais altos do mundo. Igualmente contraditório com o regime comunista é o benesse do Bolsa Empresário com o dinheiro do contribuinte. No regime da facção criminosa, os maiores beneficiados são banqueiros e mega-empresários, que estão ganhando muito dinheiro, R$ bilhões, sem suor. 


Está claro que os maiores beneficiários não são os que constam da lista do "petrolão". Esta lista vai constar apenas os "bagrinhos" do esquema da facção criminosa comandada pelo Lula e Dilma. Ambos são mandantes, mas são personagens ocultas no esquema da facção criminosa, tal qual são os chefões da máfia siciliana. O esquema de propina do "capo" Lula e da "chefe" Dilma vão direto para contas em paraísos fiscais. A negociação é direto com os donos das empreiteiras. 


Para derrubar a facção criminosa do poder, não é por via da intervenção militar. Aliás, nem os militares estão com vontade de intervir. Já que não conseguimos derrubar a facção criminosa do poder, via votos, vamos tirá-la via pressão dos movimentos de ruas. Quando o movimento das ruas chegar nos números de junho de 2013, certamente o Congresso Nacional curvará para extirpar a facção criminosa dos poderes da República. Precedente há: Collor.


Para sorte nossa e azar da facção criminosa é que a conjuntura econômica internacional em 2015 será totalmente desfavorável para manutenção da "sensação de bem estar" e da "sensação do poder de compra" do povo brasileiro. Só mesmo o "bolso" do povo apertando e desemprego aumentando, o povo, analfabeto funcional, vai enxergar a verdadeira face do Lula, da Dilma e do PT.


Lula, Dilma comandam a facção criminosa!


Nenhum comentário:

+ LIDAS NOS ÚLTIMOS 30 DIAS

Arquivo do blog