A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT

A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT
AgroBrasil - @gricultura Brasileira Online
Ofereci meus ombros. Como escada ele subiu. Abri o caminho para ele passar. Na hora da porrada a cara era a minha. Fui seu irmão seu amigo e companheiro... Um dia encontrou comigo. Me deu um beijo. Virou as costas e partiu. Lembrei de Jesus e as 30 moedas"
Poema do mensaleiro João Paulo Cunha que revela a mágoa em relação ao ex-presidente LULArápio.
"Anos atrás recebi do então governador de Brasília Cristovam Buarque o ‘premio manuel bonfim’, atribuído ao meu livro "Chatô, o rei do Brasil". Já pedi à Marília para localizar a placa de prata. Vou devolver. de golpista não quero nada. Nem prêmio".

Escritor Petralha Fernando Morais

“Que pena que nossos gênios estejam tão obtusos. E tão viciados no aparelhamento. O PT corrompeu mais do que a política, corrompeu a inteligência e o caráter. E aos poucos vão mostrando que a volta da Dilma por mais dois anos, com essa gente, vai embrutecer o País e seguir se apropriando do Estado. Pior que não tem juiz Moro para este tipo de roubo: da inteligência e do caráter. Ele não falou em devolver os dez mil que recebeu do prêmio. Na época eram dez mil dólares. Nem o que ele fazia no governo do Quercia".

Senador Cristovam Buarque

+ LIDAS NA SEMANA

segunda-feira, dezembro 22, 2014

Ossami Sakamori: Dilma chora como crocodilo!




Segundo pesquisas de opinião divulgadas, o povo brasileiro está otimista com a perspectiva do ano de 2015. Ainda, as pesquisas apontam aprovação do nome da presidente Dilma compatíveis com nível de votação que obteve nas eleições de outubro. O povo aprova o governo Dilma, por enquanto.


O marqueteiro João Santana é especialista em sensibilizar a população conduzindo os passos da Dilma para mostrar ao povo o que realmente ela não é. Como aconteceu durante o esse primeiro mandato, a imprensa impressa e televisiva, apenas retransmite a imagem e o discurso lido no teleprompter, sem tecer comentários.


A Rede Globo, o Estadão e a Folha de São Paulo, seguem rigorosamente a orientação do marqueteiro João Santana. Explica-se. A mídia falada, impressa e televisiva, com dois olhos voltados para a verba publicitária do governo federal e de empresas estatais, não querem correr o risco de ficar alijados. O governo federal e empresas estatais federais gastam cerca de R$ 2 bilhões por ano para fazer propaganda enganosa dos seus feitos.


Diante do escândalo de ladroagem na Petrobras revelado pela Operação Lava Jato envolvendo membros do PT e de seus aliados PMDB e PP, na primeira etapa, o marqueteiro João Santana parece optar em "blindar" a Dilma do escândalo de proporções nunca visto antes. 


Aproveitando a fragilidade da Dilma no momento que os rastros da ladroagem está chegando cada vez mais próximo das portas do Palácio do Planalto, a tática do João Santana parece ser de tornar a figura da Dilma como a "coitadinha" ou a "vítima" da ladroagem que ela própria é a própria chefe da facção criminosa que a pratica.


O PT, também, numa ação coordenada vai "punir" os nomes envolvidos na ladroagem da Petrobras. Foi a fórmula encontrada pelo partido de sustentação do governo federal. Melhor punir os 8 envolvidos na Operação Lava Jato do que "queimar" o nome da presidente Dilma. Assim, a Dilma, vai sair como "vítima" da ladroagem da Petrobras, pensa o marqueteiro João Santana.


O povo, sobretudo os analfabetos funcionais, vão entrar na onda do marqueteiro João Santana, vai achar mesmo que a Dilma é vítima de uma "trama" dos agentes públicos e parlamentares de sustentação do governo. Nos próximos dias, inclusive na posse, verá a Dilma em lágrimas e vozes embargadas combatendo a corrupção como se ela não fizesse parte dela.


Prestem atenção. Vai rolar muitas lágrimas, de crocodilo, da Dilma nos próximos eventos.


Nenhum comentário:

+ LIDAS NOS ÚLTIMOS 30 DIAS

Arquivo do blog