A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT

A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT
AgroBrasil - @gricultura Brasileira Online
Ofereci meus ombros. Como escada ele subiu. Abri o caminho para ele passar. Na hora da porrada a cara era a minha. Fui seu irmão seu amigo e companheiro... Um dia encontrou comigo. Me deu um beijo. Virou as costas e partiu. Lembrei de Jesus e as 30 moedas"
Poema do mensaleiro João Paulo Cunha que revela a mágoa em relação ao ex-presidente LULArápio.
"Anos atrás recebi do então governador de Brasília Cristovam Buarque o ‘premio manuel bonfim’, atribuído ao meu livro "Chatô, o rei do Brasil". Já pedi à Marília para localizar a placa de prata. Vou devolver. de golpista não quero nada. Nem prêmio".

Escritor Petralha Fernando Morais

“Que pena que nossos gênios estejam tão obtusos. E tão viciados no aparelhamento. O PT corrompeu mais do que a política, corrompeu a inteligência e o caráter. E aos poucos vão mostrando que a volta da Dilma por mais dois anos, com essa gente, vai embrutecer o País e seguir se apropriando do Estado. Pior que não tem juiz Moro para este tipo de roubo: da inteligência e do caráter. Ele não falou em devolver os dez mil que recebeu do prêmio. Na época eram dez mil dólares. Nem o que ele fazia no governo do Quercia".

Senador Cristovam Buarque

+ LIDAS NA SEMANA

domingo, abril 13, 2014

MARXISMO CULTURAL: A moda agora é o ROLEZINHO DO SEXO


Rolezinho do sexo: qual será a próxima invenção dos bárbaros?

À época dos “rolezinhos”, fui muito criticado por chamar o comportamento de quem não respeita os demais de inferior. É porque sou daqueles que acreditam que educação e cultura se aprende, ou seja, não depende de raça ou genética, tampouco de conta bancária: há gente bem educada e pobre, e há ricos vândalos. Acusei os atos desses jovens que invadiam shopping center para fazer arruaça e baderna de “bárbaros”.
Pois bem. Vejam a nova modalidade da turma: rolezinho do sexo! Isso mesmo: a garotada “mata” aula e vai para o parque fumar maconha, cheirar cola, e transar. Tudo devidamente combinado pelas redes sociais, e com o conhecimento das autoridades. Alguns até ajudam distribuindo preservativos:
Mas ai de quem ousar criticar essa pouca-vergonha! Ai de quem falar que isso é a falência de nossa educação pública, de nossos valores morais! Ai de quem alertar que tal comportamento é típico da barbárie, não de gente civilizada. Será automaticamente acusado de preconceituoso, reacionário, “fascista”. Afinal, vivemos na era do relativismo moral, onde vale tudo e ninguém pode condenar nada.
Já vejo até os organizadores desse “evento” sendo convidados para o programa “Esquenta!”, de Regina Casé, para dar um parecer de como representam a vanguarda da civilização, para o deleite da elite “progressista” que não julga nem condena nada, à exceção daqueles que defendem os bons e velhos costumes…

Nenhum comentário:

+ LIDAS NOS ÚLTIMOS 30 DIAS

Arquivo do blog