A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT

A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT
AgroBrasil - @gricultura Brasileira Online
Ofereci meus ombros. Como escada ele subiu. Abri o caminho para ele passar. Na hora da porrada a cara era a minha. Fui seu irmão seu amigo e companheiro... Um dia encontrou comigo. Me deu um beijo. Virou as costas e partiu. Lembrei de Jesus e as 30 moedas"
Poema do mensaleiro João Paulo Cunha que revela a mágoa em relação ao ex-presidente LULArápio.
"Anos atrás recebi do então governador de Brasília Cristovam Buarque o ‘premio manuel bonfim’, atribuído ao meu livro "Chatô, o rei do Brasil". Já pedi à Marília para localizar a placa de prata. Vou devolver. de golpista não quero nada. Nem prêmio".

Escritor Petralha Fernando Morais

“Que pena que nossos gênios estejam tão obtusos. E tão viciados no aparelhamento. O PT corrompeu mais do que a política, corrompeu a inteligência e o caráter. E aos poucos vão mostrando que a volta da Dilma por mais dois anos, com essa gente, vai embrutecer o País e seguir se apropriando do Estado. Pior que não tem juiz Moro para este tipo de roubo: da inteligência e do caráter. Ele não falou em devolver os dez mil que recebeu do prêmio. Na época eram dez mil dólares. Nem o que ele fazia no governo do Quercia".

Senador Cristovam Buarque

+ LIDAS NA SEMANA

quarta-feira, outubro 15, 2014

Carteiro em ação: funcionário do Brasil ou do PT?









Nos últimos anos, a expressão “aparelhamento do Estado” passou a frequentar as conversas dos brasileiros interessados em política.



Hoje, já sabemos muito sobre o uso político da Petrobras e de outras estatais, e os prejuizos causados aos aposentados que dependem de fundos de pensão quando estes são usados no balcão de negócios da politicagem.

Mas talvez nenhuma imagem sintetize melhor o tema do que os 29 segundos do vídeo abaixo, gravado, aparentemente, por um cidadão comum no que parece ser uma cidade do interior do Brasil. As mesmas cidades pequenas onde a Presidente Dilma lidera as pesquisas. O vídeo mostra um funcionário dos Correios, em horário de trabalho, distribuindo propaganda da campanha oficial.

É possível que a campanha da Presidente Dilma tenha pagado pela entrega destes panfletos, masdepois que o Estadão mostrou que nem sempre isto está claro, talvez o Ministério Público e a Polícia Federal se interessem pelo assunto.

Os Correios são controlados pelo PT desde 2010, quando Dilma nomeou o sindicalista Wagner Pinheiro, filiado ao PT do Rio de Janeiro, para a presidência da empresa. Pinheiro é ex-presidente da Petros, o fundo de pensão dos funcionários da Petrobras.

A três dias da eleição, o vídeo é um lembrete de que, se a separação entre Governo, Estado e campanha for prostituída, até o carteiro vai acabar trabalhando para o cafetão.





Nenhum comentário:

Arquivo do blog