A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT

A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT
AgroBrasil - @gricultura Brasileira Online
Ofereci meus ombros. Como escada ele subiu. Abri o caminho para ele passar. Na hora da porrada a cara era a minha. Fui seu irmão seu amigo e companheiro... Um dia encontrou comigo. Me deu um beijo. Virou as costas e partiu. Lembrei de Jesus e as 30 moedas"
Poema do mensaleiro João Paulo Cunha que revela a mágoa em relação ao ex-presidente LULArápio.
"Anos atrás recebi do então governador de Brasília Cristovam Buarque o ‘premio manuel bonfim’, atribuído ao meu livro "Chatô, o rei do Brasil". Já pedi à Marília para localizar a placa de prata. Vou devolver. de golpista não quero nada. Nem prêmio".

Escritor Petralha Fernando Morais

“Que pena que nossos gênios estejam tão obtusos. E tão viciados no aparelhamento. O PT corrompeu mais do que a política, corrompeu a inteligência e o caráter. E aos poucos vão mostrando que a volta da Dilma por mais dois anos, com essa gente, vai embrutecer o País e seguir se apropriando do Estado. Pior que não tem juiz Moro para este tipo de roubo: da inteligência e do caráter. Ele não falou em devolver os dez mil que recebeu do prêmio. Na época eram dez mil dólares. Nem o que ele fazia no governo do Quercia".

Senador Cristovam Buarque

+ LIDAS NA SEMANA

sexta-feira, maio 02, 2014

Regulamentação da ANATER foi tema de debate na Comissão de Agricultura



A regulamentação da Agência Nacional de Assistência Técnica e Extensão Rural (ANATER), disposta no art. 19 da Lei nº 12.897/2013, foi o tema de audiência na Comissão de Agricultura da Câmara dos Deputados.

O deputado federal Afonso Hamm (PP-RS), que é vice-presidente da Frente Parlamentar da Extensão Rural, destaca a importância desta agência que visa executar políticas nessa área, com o objetivo de aumentar a produtividade, melhorar a renda no campo e promover o desenvolvimento sustentável no meio rural. "A modernização da legislação e, em especial, a organização, através dessa agência, resultará em condições apropriadas para maiores investimentos na extensão rural e na assistência técnica", sintetiza Hamm. Ao enfatizar que a ANATER, também terá a interlocução da Embrapa, onde a pesquisa e a extensão rural estarão em sintonia para promover melhorias em especial à agricultura familiar e às pequenas propriedades.

Durante pronunciamento, Hamm enfatizou sobre a importância da filantropia da Emater. Ele considera que mesmo que a Emater tenha recebido o Certificado de Entidade Beneficente de Assistência Social para a Emater/Ascar, com prazo de validade até março de 2017, considera importante dar sequência a mobilização com intuito de buscar uma solução estrutural e definitiva para a Ascar. "Vamos seguir lutando pelo caráter de filantropia da Emater/Ascar, que não deve ser por prazo estabelecido devido ao relevante papel desenvolvido para sociedade", aponta.

O debate contou com a presença do presidente da Frente Parlamentar da Extensão Rural, deputado José Silva e o Secretário de Desenvolvimento Agropecuário e Cooperativismo, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento - MAPA, Caio Rocha.

Jornalista responsável – Márcia Godinho Marinho – MTB 10.868

Nenhum comentário:

+ LIDAS NOS ÚLTIMOS 30 DIAS

Arquivo do blog