A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT

A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT
AgroBrasil - @gricultura Brasileira Online
Ofereci meus ombros. Como escada ele subiu. Abri o caminho para ele passar. Na hora da porrada a cara era a minha. Fui seu irmão seu amigo e companheiro... Um dia encontrou comigo. Me deu um beijo. Virou as costas e partiu. Lembrei de Jesus e as 30 moedas"
Poema do mensaleiro João Paulo Cunha que revela a mágoa em relação ao ex-presidente LULArápio.
"Anos atrás recebi do então governador de Brasília Cristovam Buarque o ‘premio manuel bonfim’, atribuído ao meu livro "Chatô, o rei do Brasil". Já pedi à Marília para localizar a placa de prata. Vou devolver. de golpista não quero nada. Nem prêmio".

Escritor Petralha Fernando Morais

“Que pena que nossos gênios estejam tão obtusos. E tão viciados no aparelhamento. O PT corrompeu mais do que a política, corrompeu a inteligência e o caráter. E aos poucos vão mostrando que a volta da Dilma por mais dois anos, com essa gente, vai embrutecer o País e seguir se apropriando do Estado. Pior que não tem juiz Moro para este tipo de roubo: da inteligência e do caráter. Ele não falou em devolver os dez mil que recebeu do prêmio. Na época eram dez mil dólares. Nem o que ele fazia no governo do Quercia".

Senador Cristovam Buarque

+ LIDAS NA SEMANA

segunda-feira, maio 12, 2008

Soluções da Bayer CropScience contribuem para a melhoria da fibra de algodão

O valor comercial do algodão está diretamente relacionado à qualidade de sua fibra, que é avaliada de acordo com a uniformidade, comprimento, resistência, finura e pureza (limpeza). Para os cotonicultores é imprescindível utilizar recursos que propiciem estas características num curto espaço de tempo. Dentro deste cenário, a Bayer CropScience oferece duas soluções para atender às necessidades específicas dos produtores de algodão. Trata-se de Finish e Dropp Ultra SC, produtos que atuam no metabolismo hormonal da planta do algodão, alterando os processos de maturação dos frutos e da queda das folhas.
Existem inúmeras vantagens em promover uma maturação mais rápida no algodoeiro. Além de antecipar e uniformizar o amadurecimento e a abertura das maçãs, o capulho fica menos exposto a fatores ambientais como chuva, poeiras e outras sujeiras. Ao final, o cotonicultor obterá um capulho mais resistente. A experiência de Elias Hill, gerente da fazenda Cachoeirinha em Caiapônia/GO, especialmente com a aplicação do Finish, atesta os bons resultados. “A principal vantagem para o produtor é obter uma boa qualidade de fibra, que é bem valorizada pelo mercado. A aceleração do amadurecimento do capulho possibilita a uniformização do plantio de algodão e conseqüentemente uma colheita única, o que representa benefícios econômicos em produtividade”.
Outro recurso usado na cultura do algodão é acelerar a desfolha para garantir que a planta desvie seus recursos para a parte reprodutiva (formação da fibra) e favorecer o rendimento no processo de colheita mecânica. Quanto mais folhas, mais difícil a colheita do algodão, o que pode prejudicar a qualidade da fibra. Os desfolhantes devem ser utilizados porque o algodoeiro – mesmo depois de produzir – continua emitindo folhas e estruturas frutíferas, o que pode prejudicar o potencial produtivo da lavoura.
Os produtos da Bayer CropScience agem exatamente nestes dois sentidos. O Finish, além de promover o amadurecimento mais rápido do algodão, propicia um pequeno efeito de desfolha. Já o Dropp Ultra SC promove a ruptura no pecíolo (haste que une a folha ao caule) e a folha cai ainda verde, sem atingir a pluma ou sujá-la. A folha seca se despedaça e pára sobre a pluma, acarretando o problema conhecido como pimentinha, o que reduz o valor da fibra.
Segundo o engenheiro agrônomo da Guerra Consultoria, Jonas Guerra, a aplicação do Finish e do Dropp Ultra SC em geral deve ser realizada a partir do momento em que 75 a 80% das maçãs estiverem abertas. “Como o algodão fica por menos tempo exposto às intempéries e pragas, ele pode ser classificado numa tipagem superior, com um valor de comercialização maior. Outro fator é que, ao programar melhor as épocas de colheita, o agricultor otimiza o uso do maquinário e, por conseqüência, obtém uma fibra muito melhor”.
Os benefícios podem ser comprovados por meio de ensaios de qualidade realizados na safra 2006/2007, principalmente nos Estados da Bahia e Mato Grosso do Sul. “Os experimentos apontaram ganhos de até U$85/ha nos tratamentos com os produtos da Bayer CropScience em relação aos da concorrência”, finaliza o consultor.

Algodão com mais vigor
O Finish e Dropp Ultra SC integram o Linha Forte Fibra Forte, programa desenvolvido exclusivamente para atender às necessidades da cultura do algodoeiro. Por meio do programa diferenciado desenvolvido pela Bayer CropScience, os cotonicultores contam com o portfólio de soluções de alta performance que proporcionam maior vigor às plantas de algodão, contribuindo para a produção de uma fibra de melhor qualidade, o que trará mais rentabilidade no final da safra.
O Linha Forte Fibra Forte é estruturado de acordo com as necessidades de cada produtor e conta com uma das linhas mais completas para o manejo da cultura, desde sementes com alta tecnologia até maturadores e desfolhantes. O produtor que adota o programa da Bayer CropScience consegue otimizar a performance das soluções no controle de pragas e doenças, podendo obter lavouras com mais vigor e alto potencial produtivo.
Outro diferencial do Linha Forte Fibra Forte é a assistência técnica especializada, oferecido pela equipe de campo da Bayer CropScience, profissionais altamente preparados para auxiliar o produtor durante toda a safra. A equipe técnica da Bayer CropScience pode fornecer informações diferenciadas para o manejo mais adequado das lavouras.

Sobre a Bayer CropScience
O Grupo Bayer é uma empresa global baseada em pesquisa e voltada ao crescimento. Suas principais competências concentram-se nos campos de cuidados de saúde, nutrição e materiais de alta tecnologia. A Bayer CropScience AG, subsidiária da Bayer AG, com faturamento anual de cerca de EUR 5,8 bilhões (2007), é líder mundial entre as empresas inovadoras no setor de ciências agrícolas nas áreas de proteção de cultivos, controle de pragas não-agrícolas, sementes e biotecnologia das plantas. A empresa oferece uma excelente gama de produtos e extensivos serviços de apoio, tanto para o desenvolvimento de uma agricultura moderna e sustentável quanto para aplicações não-agrícolas. A Bayer CropScience conta com uma força global de trabalho de cerca de 17.800 colaboradores e tem representação em mais de 120 países. No Brasil, conta com mais de 900 colaboradores, uma instalação industrial em Belford Roxo (RJ) e uma Estação Experimental no Estado de São Paulo.
Visite o site da empresa: www.bayercropscience.com.br

Bayer CropScience – Comunicação Corporativa
Fabiana Pinho - tel: (11) 2165-7782 / 8644-8507
Claudia David - tel: (11) 2165-7798

LVBA Comunicação
Daniela Ono - tel: (11) 3039-0668
Mayra Martins - tel: (11) 3039-0664

Nenhum comentário:

+ LIDAS NOS ÚLTIMOS 30 DIAS

Arquivo do blog