A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT

A MILÍCIA BOLIVARIANA DO PT
AgroBrasil - @gricultura Brasileira Online
Ofereci meus ombros. Como escada ele subiu. Abri o caminho para ele passar. Na hora da porrada a cara era a minha. Fui seu irmão seu amigo e companheiro... Um dia encontrou comigo. Me deu um beijo. Virou as costas e partiu. Lembrei de Jesus e as 30 moedas"
Poema do mensaleiro João Paulo Cunha que revela a mágoa em relação ao ex-presidente LULArápio.
"Anos atrás recebi do então governador de Brasília Cristovam Buarque o ‘premio manuel bonfim’, atribuído ao meu livro "Chatô, o rei do Brasil". Já pedi à Marília para localizar a placa de prata. Vou devolver. de golpista não quero nada. Nem prêmio".

Escritor Petralha Fernando Morais

“Que pena que nossos gênios estejam tão obtusos. E tão viciados no aparelhamento. O PT corrompeu mais do que a política, corrompeu a inteligência e o caráter. E aos poucos vão mostrando que a volta da Dilma por mais dois anos, com essa gente, vai embrutecer o País e seguir se apropriando do Estado. Pior que não tem juiz Moro para este tipo de roubo: da inteligência e do caráter. Ele não falou em devolver os dez mil que recebeu do prêmio. Na época eram dez mil dólares. Nem o que ele fazia no governo do Quercia".

Senador Cristovam Buarque

+ LIDAS NA SEMANA

sexta-feira, abril 04, 2014

Capataz dos MÉDICOS ESCRAVOS CUBANOS ameaça jornalista de O Globo

Veja esse homem na foto abaixo:

https://plus.google.com/109253056269163736074/


Seu nome é Roilder Romero Frometa, ele é o CAPATAZ dos MÉDICOS CUBANOS no HOTEL EXCELSIOR, em São Paulo. Foi ele quem ameaçou um JORNALISTA DO JORNAL O GLOBO dizendo:

Você está mexendo com coisa perigosa.

Abaixo, matéria publicada no Ucho.info:

Caiu a máscara
O deputado federal Ronaldo Caiado (DEM-GO), líder da minoria no Congresso Nacional, quer que a Câmara dos Deputados crie com urgência uma comissão externa para investigar a presença de agentes do governo cubano no Brasil, que monitoram todos os passos dos médicos do programa “Mais Médicos”.

Reportagem do jornal “O Globo” publicada nesta sexta-feira (4) revela que médicos cubanos em treinamento em São Paulo ficam confinados o dia todo em um hotel da capital paulista e, quando saem, são sempre acompanhados do cubano Roilder Romero Frometa, apresentado como representante da OPAS (Organização Pan-Americana da Saúde).

Caiado encaminhará também um requerimento de informação ao Ministério da Saúde questionando quantos membros do governo cubano estão no Brasil com a finalidade de fiscalizar os médicos em atuação no programa do governo de Dilma Rousseff.

“O governo brasileiro está se propondo a instalar no Brasil um campo de concentração dos anos 2000 para submeter os cubanos a uma situação de confinamento e escravidão. Está claro que esse funcionário cubano que se diz responsável pela logística dos médicos é um verdadeiro policial da Gestapo travestido de funcionário da OPAS”, protesta Caiado.

De acordo com o parlamentar, a comissão externa, além de deputados, teria representantes da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), da Confederação Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), e de entidades ligadas aos direitos humanos, já que em sua visão a Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República é convivente com essas práticas que submete os médicos a condições análogas à escravidão.

Queremos saber o porquê da presença desses coordenadores da polícia cubana no hotel Excelsior, e em outros locais do País. Vamos até o hotel para conferir. Precisamos quebrar essa situação que o governo brasileiro insiste em manter. Se fosse uma situação semelhante em uma empresa privada, os funcionários seriam imediatamente libertados e o proprietário preso e condenado. Mas o governo pode descumprir a legislação”, afirma. “Espero que o presidente da Câmara coloque na pauta essa proposta da comissão externa para que possamos aprová-la e levar essa investigação adiante essa investigação”, destaca. 

+ LIDAS NOS ÚLTIMOS 30 DIAS

Arquivo do blog